Anderson Silva: “Sonnen não tem condições de vencer Jon Jones”

Anderson (dir.) em sua luta contra Sonnen (esq.) no UFC 148

O meio-pesado Jon Jones é o novo rival do polêmico Chael Sonnen, que nunca perde a oportunidade de provocar seu rival. Os lutadores serão técnicos da 17ª edição do TUF, o reality show do UFC, e se enfrentam na disputa pelo cinturão da categoria. Mas se tem alguém que conhece o estilo de Chael é Anderson Silva, que também sofreu com os ataques do norte-americano e o venceu em duas ocasiões: por finalização no UFC 117, em 2010, e por nocaute técnico, no UFC 148, no último mês de julho.

Para Anderson, a oportunidade de Sonnen disputar o cinturão não é justa e cita até possíveis desafiantes que teriam mais méritos pela chance de disputar o cinturão dos meio-pesados.

“Acho que tem outros atletas que mereciam”, comenta Anderson Silva, ao SporTV. “Chael faz o trabalho dele muito bem feito. Se vende muito bem e é um fanfarrão dos bons. Mas acho que tem outros atletas que poderiam estar disputando esse título. Lyoto, Glover, Minotouro e até mesmo o Rafael Feijão, que é do Strikeforce. Eles têm todas as condições para enfrentar o Jon Jones e até vencê-lo. Mas o Chael Sonnen consegue coisas que às vezes a gente não consegue. Ele se vende bem, é um cara que sabe fazer as provocações”.

O Spider ainda fez questão de salientar que o “Gangster Americano”, como Chael se intitula, não tem a menor chance de derrotar Jones e conquistar o título dos meio-pesados.

“Eu acho que para o Jon Jones é uma vantagem. Eu não vejo o Chael Sonnen ganhando do Jones. Não tem condições nenhuma. O Jon Jones chegou em um nível que poucos atletas conseguem chegar e alcançar. Não vejo alguém dentro do UFC que o vença na categoria dele”.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário