Lutador de MMA que já enfrentou Cigano morre vítima de infarto

O mundo do MMA está de luto. O peso pesado Eduardo Maiorino morreu na tarde deste domingo (23), em em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, vítima de infarto. O lutador tinha 33 anos.

O corpo de Maiorino se encontra no Imol (Instituto Médico e Odontológico Legal) da capital para que seja feita a necropsia. O sepultamento ocorre nesta segunda-feira, no cemitério Parque de Campo Grande.

Eduardo fez 11 lutas profissionais no MMA, com três vitórias e oito derrotas. Ele já  enfrentou vários nomes conhecidos do esporte como Junior Cigano (no Minotauro Fights 5, em 2006), Rafael Feijão (no Pantanal Combat, em 2006), e o italiano Alessio Sakara (no Real Fight 1, em 2004), todos atletas do UFC ou Strikeforce. O último combate dele foi contra Gerônimo Mondragon, também atleta do Ultimate, em maio deste ano, quando foi nocauteado com 50 segundos do primeiro round no Max Fight 13.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário