FJJD-Rio decide os campeões

Depois de um sábado de muitos combates, os faixas-pretas retornaram ao ginásio do Club Municipal, neste domingo (31 de maio), para decidir os campeões de cada categoria no Campeonato Estadual da Federação de Jiu-Jitsu Desportivo do Rio de Janeiro (FJJD-Rio). Além disso, houve as disputas de todos os absolutos, de azul a preta, que decidiram os atletas que representarão o Rio de Janeiro no desafio contra São Paulo, que acontece em agosto. Entre as equipes, a campeã foi a GFTeam, seguida por Sardela, Nova União, Soul Fighters e Kioto.

CATEGORIAS

No peso pluma, depois de ter batido dois adversários no sábado, Lucio Flávio (Orlando Araujo) voltou para a final contra Igor dos Santos (Checkmat). Após começar perdendo por uma raspagem, Lucio devolveu a pontuação com uma queda. Com o empate em 2 a 2, a vitória foi para o atleta de Orlando Araujo, que conseguiu quatro vantagens.

As finais do pena e leve faixa-preta foram protagonizadas por atletas da GFTeam, que fecharam a categoria. No pena o título ficou com Richard Flood, com duas passagens de guarda contra uma (6 a 3), que fez uma luta para valer com o companheiro de time Bruno Barbosa. Já no leve, num combate “combinado”, algo que foge do controle da organização do evento, Vitor Henrique finalizou Teodoro Canal com um armlock. Já no peso médio não houve luta, uma vez que os atletas da Gordo Jiu-Jitsu Victor Bonfim e Zorobabel Junior, que fizeram ótimos combates no dia anterior, fecharam a categoria e preferiram não lutar.

As disputas voltaram na categoria meio-pesado. Renan Vital (Gordo JJ) e Douglas Moura (Behring) se enfrentaram pelo ouro. Depois de sofrer dois pontos (raspagem), Vital reagiu com duas raspadas e duas passagens de guarda (10 a 2). No pesado, Thiago Oliveira (GFTeam) e Leandro Ataíde (Nova União) travaram um duro combate, em que Oliveira levou vantagem pelas tentativas de queda e conquistou o lugar no alto do pódio.

Enquanto no superpesado Renato Fraga (GFTeam) foi o campeão, no pesadíssimo Ricardo Evangelista e Gabriel Ingênito, apesar de serem da mesma equipe (GFTeam), lutaram para valer. Na decisão, Evangelista conseguiu uma raspagem e pegada de costas para bater o oponente por 6 a 2.

ABSOLUTOS PRETA (seleção carioca)

No absoluto leve, Wallace Castro (GFTeam) foi o campeão, com Vitor Henrique em segundo lugar. Já no médio, Victor Bonfim primeiro bateu Denílson Pimenta (GFTeam) por 4 a 2 (raspagens). Na semifinal, contra Marcio Abreu “Tubarão” (GFTeam), o representante da Gordo JJ garantiu a vitória por finalização, com um triângulo. Na luta decisiva, contra Teodoro Canal, Victor venceu por três vantagens. No absoluto pesado, o campeão foi Renato Fraga (GFTeam), que derrotou Leandro Ataíde (Nova União) na decisão do juiz, depois de muita trocação em pé.

ABSOLUTOS MARROM (seleção carioca)

Leonardo Souza finalizou dois adversários, com um armlock e americana de pé, respectivamente, e garantiu a vaga na seleção carioca. No médio o melhor foi Claudio Henrique (Checkmat), que finalizou três oponentes. Fechando a graduação, no absoluto pesado o campeão foi Sérgio Teixeira (DDR), que bateu Fernando Fidalgo (Roleta) na decisão.

ABSOLUTOS ROXA (seleção carioca)

No leve o vencedor foi Daniel Bruno (Kbelinho/Gracie Barra), que derrotou Gabriel Vilela (GFTeam) na final por 5 a 2. No médio, mais uma vez o destaque foi José Carlos (DDR), que finalizou Mauricio Vargas (Nova Geração) com um triângulo. No pesado fecharam a categoria para a Nova União Kauê Damasceno e Eduardo Rodrigues.

ABSOLUTOS AZUL (seleção carioca)

No leve, com boas apresentações, o melhor foi José Carlos Dias (Nova União). O lutador fez três combates e finalizou na final com um justo estrangulamento relógio. No médio Marcos Paulo (DDR) fechou com o companheiro de equipe Marcos Vinicius. Já no pesado o campeão foi Jeovanderson dos Santos (GFTeam), que fez três combates.

Deixe seu comentário