Noite de muitas surpresas no Strikeforce

Brett Rogers nocauteia Arlovski com 22 segundos de luta

Noite de muitas surpresas na jaula do Strikeforce, evento terminado há pouco em St. Louis, nos Estados Unidos. Nas lutas preliminares, logo a primeira zebra. Vindo de uma ótimas sequência de vitorias no EliteXC, Rafael Feijão subiu ao ringue com amplo favoritismo contra o experiente Mike Kyle, que havia sido convocado as vésperas da luta para substituir o contundido Jared Hamman, mas o longo tempo de inatividade pesou e o brasileiro acabou derrotado por nocaute técnico no segundo round.

Se a zebra deu as caras no card preliminar, nas lutas principais ela não poderia ficar de fora, o ex-campeão dos pesos pesados do Ultimate, Andrei Arlovski foi surpreendido pelo invicto Brett Rogers e foi nocauteado em apenas 22 segundos de luta, após uma inacreditável sequencia de socos.

Com tantas surpresas no evento, a luta principal da noite não poderia deixar de ter um azarão como vencedor. Robbie Lawler, considerado por muitos, como o único peso médio capaz de desafiar Anderson Silva não foi capaz de defender uma justa guilhotina encaixada por Jake Shields e acabou finalizado com pouco mais de dois minutos de luta. Confira os resultados completos:

Pat Benson venceu Dave Lehr Cochran por finalização com arm-lock no R1;
Lucas Lopes venceu Scott Ventimiglia desqualificação (joelhada ilegal) no R1
Tyron Woodley venceu Sal Woods por finalização com triangulo no R1;
Booker DeRousse venceu James Wade por nocaute técnico no R1;
Mike Kyle venceu Rafael Cavalcante por nocaute técnico no R2;
Jesse Finney venceu Josh Bumgarner por finalização com chave de pé no R1;
Mike Whitehead venceu Kevin Randleman na decisão unânime dos juízes;
Joe Riggs venceu Phil Baroni na decisão unânime dos juízes;
Nick Diaz venceu Scott Smith por finalização com mata-leão no R3;
Brett Rogers venceu Andrei Arlovski por TKO no R1;
Jake Shields venceu Robbie Lawler por finalização com guilhotina no R1;

Deixe seu comentário