Brasil é só vitorias no Sengoku 10

O Brasil deu show na décima edição do Sengoku, evento realizado na manhã desta quarta-feira no Jápão. Enfrentando Ryo Kawamura, o chuteboxer, Fabio Silva, precisou de de pouco mais de dois minutos para nocautear o japonês com uma série de socos e joelhadas.

Já Antonio “Pezão mostrou porque é considerado um dos melhores pesos pesados do mundo, diante de Jim York, o brasileiro mostrou que além de nocauteador tem um bom jogo de chão, finalizando o adversário com um triângulo de mão no primeiro assalto. Confira os demais resultados

– Antz Nansen derrotou Hiroshi Izumi por nocaute técnico a 2min56s do R1;
– Antonio “Pezão” Silva finalizou Jim York com um triângulo de mão a 3min51s do R1;
– Kazunori Yokota nocauteou Ryan Schultz a 2min31s do R1;
– Takenori Sato derrotou Joe Doerksen por nocaute técnico a 4min27s do R2;
– Makoto Takimoto derrotou Jae Sun Lee na decisão unânime dos juízes;
– Maximo Blanco derrotou Tetsuya Yamada por nocaute técnico a 2min12s do R2;
– Dan Hornbuckle derrotou Nick Thompson por nocaute técnico a 1min30s do R2;
– Fabio Silva derrotou Ryo Kawamura por nocaute técnico a 2min28s do R1;
– Ikuo Usuda derrotou Woo Hyun Baek por nocaute técnico a 4min59s do R1;
– Shigeki Osawa derrotou Ki Hyun Kim na decisão unânime dos juízes;
– Jae Hyun So derrotou Ryosuke Komori na decisão unânime dos juízes

Deixe seu comentário