Shogun: “Em minha carreira sempre fui azarão”

Há poucos dias de enfrentar Lyoto Machida pelo titulo dos meio-pesados do UFC, Mauricio Shogun demonstra bastante confiança no trabalho realizado para tomar o cinturão do atual campeão, mesmo tendo o adversário declarado como amplo favorito. Em entrevista ao site americano MMA Mania, o faixa-preta curitibano afirmou que esta não é a primeira vez que é o azarão nas bolsas de apostas e não se importa com isso:

“Durante a maior parte da minha carreira sempre costumava ser azarão. Eu era o azarão para a minha última luta com o Chuck Liddell, era o azarão no Pride quando eu enfrentei Quinton ‘Rampage’ Jackson, e era zebra em todo o Pride GP em 2005, por isso nada é novo”, afirmou Shogun que disse ter estudado o jogo de Machida.

“Eu e minha equipe assistimos um grande número de fitas e fizemos o nosso dever de casa. Machida é um grande lutador, mas cada um tem pontos fracos e fortes, não existem lutadores perfeitos. Como disse, uma luta é uma luta, e muitas coisas podem acontecer”, acredita o líder da UDL.

A disputa do cinturão dos meio-pesados do Ultimate acontece no UFC-104, evento que será realizado no próximo sábado, em Los Angeles, Estados Unidos.

Deixe seu comentário