Comissão Atlética divulga salários do UFC-106

A Comissão Atlética do Estado de Nevada divulgou as bolsas pagas aos atletas que participaram do UFC-106, evento realizado no último sábado em Las Vegas. Os maiores salários ficaram para Forrest Griffin e Tito Ortiz que protagonizaram o combate principal da noite e embolsaram 250 mil dólares cada um. Confira a lista completa dos salários:

Forrest Griffin — $250,000 (incluindo$100,000 de bônus pela vitória)
Tito Ortiz — $250,000
Griffin derrotou Ortiz na decisão dividida dos juízes;

Josh Koscheck — $106,000 (incluindo $53,000 de bônus pela vitória)
Anthony Johnson — $17,000
Koscheck derrotou Johnson por finalização (mata-leão) no R2;

Paulo Thiago — $16,000 (incluindo $8,000 de bônus pela vitória)
Jacob Volkmann — $6,000
Thiago derrotou Volkmann na decisão unânime dos juízes;

Amir Sadollah — $30,000 (incluindo $15,000 de bônus pela vitória)
Phil Baroni — $25,000
Sadollah derrotou Baroni na decisão unânime dos juízes;

Rogério “Minotouro” Nogueira — $100,000 (incluindo $30,000 de bônus pela vitória)
Luis “Banha” Cane — $19,000
Nogueira derrotou Cane por TKO no R1;

Ben Saunders — $20,000 (incluindo $10,000 de bônus pela vitória)
Marcus Davis — $27,000
Saunders derrotou Davis por nocaute no R1;

Kendall Grove — $44,000 (incluindo $22,000 de bônus pela vitória)
Jake Rosholt — $15,000
Grove derrotou Rosholt por finalização (triangulo) no R1;

Brian Foster — $12,000 (incluindo $6,000 de bônus pela vitória)
Brock Larson — $25,000
Foster derrotou Larson por nocaute técnico no R1;

Caol Uno — $20,000
Fabrício Camões — $10,000
A luta entre Uno e Camões terminou empatada

George Sotiropoulos — $20,000 (incluindo $10,000 de bônus pela vitória)
Jason Dent — $8,000
Sotiropoulos derrotou Dent por finalização (arm-lock) no R2;

Deixe seu comentário