É hoje! UFC-117 marca Brasil vs. Estados Unidos

Tudo pronto em Oakland, nos Estados Unidos, para o UFC-117, evento que colocará cinco atletas brasileiros duelando com cinco adversários americanos. No combate principal da noite, Anderson Silva defenderá seu cinturão dos médios diante do polêmico Chael Sonnen.

 

“Não estou aqui para ganhar a medalha de prata e sim para ser o campeão. Não tem muito a ver com bater no Anderson. Ter a chance de esmurrá-lo é apenas um bônus”, disparou Sonnen, que teve o troco a altura do brasileiro.

 

“Já lutei contra caras que me respeitaram, contra caras que não me respeitaram e contra bobalhões como ele. Mas a partir de amanhã vai mudar tudo lá em cima”, disse Anderson, devolvendo a provocação.

 

Durante a troca de farpas, o veterano Matt Hughes , que medirá forças contra Ricardo “Cachorrão” disparou:

 

“É a coletiva de imprensa mais engraçada que já participei”, afirmou o ex-campeão dos meio-médios.

 

Falando em meio-médios, outro combate que chama a atenção dos fãs é entre Jon Fitch e Thiago “Pitbull” Alves, revivendo o duelo de 2006, quando o americano venceu o brasileiro no UFC Fight Night 5. “Pitbull” teve problemas para atingir o limite da categoria durante a pesagem e cedeu 20% de sua bolsa para o oponente, mas afirma estar motivado para a luta, que dará ao vencedor a chance de disputa pelo cinturão da categoria.

 

“Estou feliz por estar de volta depois de um tempo sem lutar. Sofro um pouco para perder peso, mas estou tranquilo e muito motivado para essa luta”, afirmou o brazuca.

 

Outro duelo que dará ao vencedor a chance de lutar pelo cinturão será entre os pesos pesados Júnior Cigano e Roy Nelson. O brasileiro afirma que a chance de disputar o título o deixa ainda mais forte para buscar a vitória:

 

“O fato de saber que vencer essa luta vai me dar a oportunidade de disputar o cinturão só me fortalece e me deixa mais motivado para vencer”, disse Cigano.

 

“Simplesmente luto para sobreviver, para colocar comida na minha mesa. No meu caso, é muita comida”, respondeu Roy Nelson, aos risos.

 

Tentando se vingar da derrota sofrida por seu mestre, Renzo Gracie, no UFC-112, Ricardo “Cachorrão” Almeida encara o ex-campeão do UFC, Matt Hughes e afirma que pensa neste combate desde a perda do professor, em maio deste ano.

 

“Eu estava no corner do Renzo na luta dele contra o Matt Hughes e, sem dúvida, foi uma noite de grandes emoções para mim. Então naquela hora mesmo eu o desafiei”, disse Cachorrão.

 

Na primeira luta do card principal, mais um duelo Brasil contra Estados Unidos, onde o atleta tupiniquim Rafael dos Anjos tentará sua quarta vitória consecutiva diante do duríssimo Clay Guida.

 

Confira o card completo do evento que terá transmissão do Sportv a partir das 23 horas.

 

Card Principal

Anderson Silva (83,7 kg) vs Chael Sonnen (84 kg) – Luta válida pelo cinturão dos médios

Thiago Alves (77,8 kg) vs Jon Fitch (77,4)

Ricardo “Cachorrão” Almeida (77,4 kg) vs Matt Hughes (77,4 kg)

Junior “Cigano” dos Santos (109 kg) vs Roy Nelson (119,5)

Rafael dos Anjos (70,5 kg) vs Clay Guida (70,5 kg)

 

Card Preliminar

Dustin Hazelett (77 kg) vs Rick Story (77 kg)

Phil Davis (93,3 kg) vs Wallace Rodney (93,6 kg)

Charlie Brenneman (77,6 kg) vs Johny Hendricks (77,6 kg)

Boetsch Tim (93,5 kg) vs Brown Todd (93,5 kg)

Morecraft Christian (119,4 kg) vs Stefan Struve (112 kg)

Deixe seu comentário