Com dengue, Lineker está fora do UFC Pittsburgh

Brasileiro enfrentaria Cody Garbrandt no evento deste domingo (21), mas contraiu a doença na reta final de sua preparação

 

Lineker (foto) é lutador do peso galo do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

Lineker (foto) é lutador do peso galo do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

O Brasil vive ano após ano uma intensa batalha contra o mosquito Aedes aegypti, vetor de doenças como dengue, febre amarela e chikungunya. E, desta vez, um lutador do UFC acabou sucumbindo ao pequeno inseto. O paranaense de Paranaguá John Lineker foi diagnosticado com dengue e foi retirado do card do UFC Pittsburgh, evento que acontecerá neste domingo (21).

Veja Também

L. Rockhold (foto) minimizou declarações de treinador de Weidman. Foto: Josh Hedges/UFC
Fratura no pé de Weidman é ‘piada’, dispara Rockhold
Overeem vem de vitória sobre Cigano. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC
Overeem põe fim aos rumores e renova com o UFC
Bellator 149 acontece no dia 19/02. Foto: Reprodução
Assista ao vídeo com a prévia do Bellator 149: Gracie x Shamrock 3

Lineker enfrentaria o norte-americano Cody Garbrandt, em luta que colocaria frente a frente dos dois atletas promissores da divisão dos galos (até 61 kg). No entanto, na reta final de sua preparação, o lutador de 25 anos acabou sendo obrigado a desistir do combate.

O anúncio foi feito em sua conta oficial no instagram. “Galera, todos sabem da epidemia de dengue em nossa cidade, embora venha tomando todos os cuidados necessários, John Lineker pegou esta bendita dengue e por as plaquetas estarem baixas não poderá lutar no próximo domingo. A luta será adiada e ainda não temos data! John está triste por não poder lutar que é o que mais ama fazer, toda a preparação foi muito bem feita”, diz o comunicado. “Agradecemos a toda a equipe de preparação, todos os médicos que estão ajudando na recuperação do Lineker, todos os apoiadores. Muito obrigado. Pedimos desculpas aos fãs que estavam esperando a luta neste domingo, logo teremos uma nova data contra o mesmo oponente, Cody Garbrandt. Pedimos desculpas a Cody Garbrandt. Sei o quanto é ruim fazer toda a preparação e não poder lutar. Todos nós saímos prejudicados, porém tem coisas que não podemos evitar! Agora precisamos aguardar para que a luta seja remarcada”, completou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário