Ed Soares se desculpa com Rampage, mas diz que Lyoto foi roubado

Ed Soares

A vitória de Quinton “Rampage” Jackson sobre Lyoto Machida, na luta principal do UFC-123, causou surpresa para muitos, incluindo o próprio atleta vencedor do combate. Porém, outro personagem chamou bastante atenção no momento do anúncio: Ed Soares, empresário do brasileiro, afirmou categoricamente que haviam levantado o braço do lutador errado. O momento da reclamação foi flagrado pelas câmeras do PPV.

Sem querer causar polêmica, Soares procurou afirmar que é amigo de Rampage, mas viu seu atleta prejudicado no confronto.

“Eu adoro o Quinton Jackson, não apenas dele como lutador, mas dele como pessoa também. Ele é um ótimo cara e eu nunca faria nada para desrespeita-lo”, afirmou Ed, entrevista ao site norte-americano MMA Junkie.

“Naquela noite eu queria ganhar. Parabéns para Quinton, mas acho que o Lyoto foi roubado”, disparou.

Deixe seu comentário