Após desafiar Obama, lutador do UFC é interrogado pela polícia

Jacob Volkmann após vitória sobre Antonio McKee

O norte-americano Jacob Volkmann passou por uma situação inusitada nesta quarta-feira. O lutador, que derrotou Antonio McKee no UFC-125, afirmou após o triunfo que desejaria voltar ao octógono diante de diante do presidente Barack Obama, pois não concordava com sua forma de governar o país. A brincadeira rendeu ao lutador um interrogatório da policia secreta norte-americana. Em entrevista ao MMA Weekly, Volkmann comentou como foi o incidente:

“Eu estava treinando, quando dois caras vieram me visitar no treino. Eu saí para ver o que era e ele se apresentou como membro do Serviço Secreto dos Estados Unidos e queria fazer algumas perguntas sobre o que disse após a minha vitória no UFC 125”, afirmou.

“Ele (policial) disse que pessoas ligaram para a capital para dizer que eu estou ameaçando o presidente. Ele tinha toda a minha entrevista em um papel e até mesmo uma foto. Ele estava querendo saber se era aquilo mesmo que eu disse. E eu disse que sim”, completou.

Após chegar em casa, o lutador percebeu em que sua caixa de e-mail haviam várias mensagens de criticas a sua brincadeira.

“Quando cheguei a minha casa, olhei meus e-mails. Tinham uns 20 e um deles de uma senhora, que disse que iria me denunciar”, disse Jacob, que afirmou que os policiais entenderam que tudo não passou de uma brincadeira.

Deixe seu comentário