Nick Diaz tem maior salário do Strikeforce

A Comissão Atlética do Estado da Califórnia divulgou os salários pagos aos lutadores que se apresentaram no Strikeforce, evento que foi realizado no último sábado, em San José. A vitória sobre o brasileiro Evangelista Cyborg, além de valer a Nick Diaz defesa do cinturão dos meio-médios da organização, deu ao norte-americano o maior salário do show, com 150 mil dólares. Confira abaixo a lista completa das bolsas pagas aos atletas.

 

Card Principal

Nick Diaz: $150,000 (sem bônus pela vitória)

Evangelista “Cyborg”: $20,000

Nick Diaz finalizou Evangelista “Cyborg” com um arm-lock no R2

 

Ronaldo “Jacare”: $85,000 (incluído $15,000 de bônus pela vitória)

Robbie Lawler: $65,000

Ronaldo “Jacaré” finalizou Robbie Lawler com um mata-leão no R3

 

Herschel Walker: $5,000 (sem bônus pela vitória)

Scott Carson: $5,000

Herschel Walker derrotou Scott Carson por nocaute técnico no R1

 

Roger Gracie: $75,000 (sem bônus pela vitória)

Trevor Prangley: $30,000

Roger Gracie finalizou Trevor Prangley com um mata-leão no R1

 

Card Preliminar

Nate Moore: $4,000 (incluído $2,000 de bônus pela vitória)

Nathan Coy: $3,000

Nate Moore derrotou Nathan Coy por nocaute no R2

 

Isaiah Hill: $3,000 (incluído $1,500 de bônus pela vitória)

Bobby Stack: $1,500

Isaiah Hill finalizou Bobby Stack com um triângulo no R1

 

Ron Keslar: $3,000 (incluído $1,500 de bônus pela vitória)

Eric Lawson: $1,500

Ron Keslar finalizou Eric Lawson com um arm-lock no R1

 

Germaine de Randamie: $3,000 (incluído $1,000 de bônus pela vitória)

Stephanie Webber: $1,000

Germaine de Randamie derrotou Stephanie Webber por nocaute no R1

 

James Terry: $3,000 (incluído $1,500 de bônus pela vitória)

Lucas Gamaza: $1,500

James Terry derrotou Lucas Gamaza por nocaute técnico no R1

 

Jenna Castillo: $3,000 (incluído $1,500 de bônus pela vitória)

Charlene Gellner: $1,000

Jenna Castillo derrotou Charlene Gellner por nocaute no R2

Deixe seu comentário