Dana White “aposenta” Mirko Cro Cop

Mirko Cro (esq) aplica seu potente chute de esquerda

A carreira de um dos maiores nomes do MMA mundial pode ter chegado ao fim. Depois de ser nocauteado por Brendan Schaub, no UFC 128, realizado no último sábado (19), o croata Mirko Cro Cop pode ter se despedido dos combates de forma melancólica. Após o revés do peso pesado, o presidente do UFC, Dana White, afirmou que o vencedor do Pride GP, em 2006, não se apresentará mais no Ultimate.

 

“Eu tenho todo respeito por (Mirko) Cro Cop, mas sim, eu diria que esta foi a última vez que o vimos lutar novamente”, sentenciou Dana

 

“Na sua idade e com as guerras que ele tem enfrentado, ver como ele encara estes pesos pesados, que agora são maiores, mais fortes e mais jovens que ele… Isto é a prova de como ele foi um grande lutador em seu auge”, concluiu o cartola.

 

Em 10 anos de carreira, Mirko “Cro Cop” Filipovic, de 37 anos, conquistou 27 vitórias, sendo 20 por nocaute, nove derrotas e dois empates. Sua principal conquista no MMA foi o Pride GP, em 2006, quando chegou ao título derrotando Wanderlei Silva e Josh Barnett na mesma noite. Apesar do sucesso no Pride, o lutador croata não conseguiu emplacar sua carreira no UFC: em nove lutas, Mirko conseguiu apenas quatro vitórias e foi derrotado em cinco oportunidades

Deixe seu comentário