Maiquel Falcão assina com evento canadense

Maiquel Falcão - Foto: Josh Hedges

O brasileiro Maiquel Falcão está de “casa nova”. Após ser demitido do UFC no início deste mês, o atleta assinou hoje (29) um contrato de três lutas com a organização canadense Colosseo Championship Fighting. A estreia do peso médio deverá ocorrer neste mês de setembro em uma edição ainda não oficializada pelo evento.

 

Falcão chegou ao UFC embalado depois de sete vitórias consecutivas na carreira. Em sua estreia no Ultimate, o atleta tupiniquim superou o norte-americano Gerald Harris por decisão unânime dos juízes no UFC 123, edição ocorrida em novembro passado nos Estados Unidos.

 

Para seu segundo compromisso no Ultimate, Falcão foi escalado para medir forças com o norte-americano Tom Lawlor no UFC Rio, porém, problemas enfrentados com a Justiça brasileira causaram a demissão do gaúcho da organização de maior visibilidade no atual cenário do MMA.

 

Mas antes de estrear em solo canadense, Falcão disputará o cinturão até 84 Kg do Centurion MMA na segunda edição do evento brasileiro, que será realizada dia 9 de julho na cidade catarinense de Itajaí. O adversário do ex-UFC pelo título do Centurion MMA deverá ser anunciado nos próximos dias pela direção da organização.

 

O Colosseo Fighting Championship promove eventos desde 2007 e promete trazer de volta as regras utilizadas no extinto PRIDE. No mês que vem a organização realizará sua primeira edição onde estarão liberados pisões e joelhadas na cabeça quando o oponente estiver no solo, golpes que marcaram a história do evento japonês. Ainda resta a definição por parte dos dirigentes do evento se estas regras serão utilizadas nas edições posteriores do show.

Deixe seu comentário