Vídeo: Kim Couture apaga, mas juíz demora a parar a luta

Sheila Bird (esq.) finalizou Kim Couture, mas juíz demorou a parar a luta

O MMA feminino ainda busca ganhar mais espaço entre os fãs da modalidade, mas o esporte voltou a entrar em uma grande polêmica no último final de semana. Neste sábado, Kim Couture, ex-esposa da lenda Randy Couture, enfrentou Sheila Bird no AX Combat 1, evento realizado em Calgary no Canadá. Logo no início da luta, Bird conseguiu uma queda e partiu para um estrangulamento, Kim apagou apagando, mas o árbitro não percebeu o desmaio e demorou mais de 10 segundos para interromper a luta.

 

Após o deslize, o responsável por mediar a luta parou o confronto e decretou a vitória de Bird. A comissão atlética local não gostou da ação do juiz e afirmou, nesta segunda-feira, que irá analisar o combate.

 

Confira abaixo o vídeo da luta e tire suas próprias conclusões

 

Deixe seu comentário