Rashad Evans quer dar lição em Jon Jones

e convida Rampage, antigo rival, para sua equipe

Jon Jones (esq.) e Rashad Evans (dir) foram companheiros de equipe

Os meio-pesados Rashad Evans e Jon Jones foram companheiros de equipe durante anos, mas a boa relação dos atletas acabou no início de 2011. Depois que Jones conquistou o cinturão do UFC, nocauteando o brasileiro Mauricio Shogun, em março, Evans se prontificou a encarar o campeão mesmo com os dois sendo treinados pela fera Greg Jackson. Logo após o desafio, Rashad deixou a equipe Jackson Mixed Martial Arts e a as provocações entre os atletas foram constantes em suas entrevistas.

 

Agora, depois de Evans vencer Tito Ortiz no UFC 133, realizado no último sábado (6), o lutador mandou seu recado para o ex-companheiro de equipe.

 

“Eu gostaria de lhe ensinar uma lição”, disse. “Se ele passar por Rampage (próximo adversário de Jones), então eu tenho a chance de fazer isso, mas como disse, ele tem uma luta dura pela frente”, completou Rashad.

 

“Jon é um cara durão, é o atual campeão, mas eu sei onde ele é fraco. Ele também sabe onde eu tenho fraquezas, mas vamos ver quem explora as falhas primeiro “, disse Evans, que não deixou de analisar a luta entre Jones e Quinton “Rampage” Jackson, que acontece em setembro.

 

“Rampage se move como o Frankenstein, mas acho que se ele conseguir o acertar, pode colocar Jones pra dormir”, disparou. “Acho que Rampage deveria vir e treinar com minha equipe para essa luta”, completou Evans, que atualmente treina na Imperial Athletics, mesma academia dos brasileiros Gesias Cavalcante, Jorge Santiago e dos irmãos Villefort.

Deixe seu comentário