Junior Cigano volta a provocar rivais: “Faz sentido eles terem medo de mim”

Ex-campeão, que tem luta marcada contra Stefan Struve, em fevereiro, diz que está em ótimo momento na carreira

Cigano provocou lutadores do peso pesado. (Foto: Getty Images)

Cigano provocou lutadores do peso pesado. (Foto: Getty Images)

O peso pesado Junior Cigano continua afiado nas declarações fora do octógono. Com luta agendada contra Stefan Sturve no UFC Halifax, dia 19 de fevereiro, o brasileiro voltou a cutucar os outros atletas da categoria, insinuando que os rivais estão com “medo” de enfrentá-lo.

Veja Também

Dana revelou que Werdum recusou duas lutas. (Foto: Divulgação)
Dana revela que Werdum se negou a lutar com Cigano e Overeem
Cigano (esq) e Werdum (dir) são desafetos declarados. (Foto: Produção SUPER LUTAS / Getty Images)
Cigano desafia Werdum e lutadores trocam farpas em declarações
Cigano struve
Júnior Cigano enfrenta Struve em revanche pelo UFC Halifax

“Mal posso esperar para lutar o ver os atletas estarem bem o suficiente para me enfrentar. Entendo porquê eles não querem lutar comigo. Estou em um grande momento na minha carreira. Minha última luta foi ótima, e eu estou sentindo esse momento. Sei como usar minha força e minhas habilidades da melhor maneira possível. Faz sentido para eles terem medo de mim”, provocou, durante entrevista ao site ‘MMA Fighting’ (EUA).

Questionado sobre seu próximo desafio, o brasileiro esclareceu que o Ultimate buscou outras alternativas, mas os outros atletas da categoria não aceitaram a luta.

“Nós começamos a considerá-lo uma opção quando nos disseram que o UFC estava tentando nos conseguir uma luta e a maioria estava recusando. Alguns atletas disseram que não tinham tempo suficiente para se prepararem para mim, outros negaram ou estavam lesionados. Quando ouvi que o Stefan Struve aceitou, fiquei feliz já que estou recuperado da minha lesão e não tenho tempo para perder”, concluiu.

Esse será o segundo encontro entre do Cigano e Struve. Em fevereiro de 2009, em luta válida pelo UFC 95, o ex-campeão nocauteou o gigante holandês no primeiro round.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário