Lutador finge que vai tocar as luvas e nocauteia oponente

Fato polêmico ocorreu em evento de MMA disputado na China

Khalilov nocauteia Barotov na China FOTO: Reprodução

Khalilov nocauteia Barotov na China FOTO: Reprodução

Veja Também

C. Sonnen (esq) criticou R. Rousey (dir) FOTO: Reprodução
Sonnen diminui Ronda como atriz e crava: ‘Não será mais campeã’
UFC 207 foi liderado pelo duelo entre A. Nunes e R. Rousey. (Foto: Getty Images)
UFC 207 ultrapassa marca de 1 milhão em pay-per-view

Faltou fair play na luta entre Ibragim Khalilov e Bakhtiyar Barotov, válida pelo WBK 22, evento chinês, disputado no último sábado (7). Khalilov conseguiu a vitória por nocaute, mas às custas de uma manobra, no mínimo, discutível.

O vencedor fez menção de tocar as luvas com Barotov, que abaixou a guarda e tomou um direto de direita que o nocauteou instantaneamente. O combate durou apenas três segundos. Ibragim Khalilov não pareceu se importar com sua ação e deu uma cambalhota no ar para comemorar a vitória.

Apesar de condenável, o gesto de Khalilov não é ilegal. Isso porque as regras do MMA não preveem que haja qualquer tipo de pausa na ação para toque de luvas.

Veja o vídeo:

 

Deixe seu comentário