Técnico de BJ Penn quer ver ex-campeão aposentado

Jason Parillo, que também treina campeões Cris Cyborg e Michael Bisping, se disse triste com performance de seu pupilo

BJ (centro) é consolado por Parillo (dir) (FOTO: Jeff Bottari/Getty Images)

BJ (centro) é consolado por Parillo (dir) (FOTO: Jeff Bottari/Getty Images)

Após mais uma derrota por nocaute técnico, o ex-campeão meio-médio e leve BJ Penn pode se aposentar de vez do MMA. E um dos maiores suportes para que ele o faça vem do seu próprio córner. Seu técnico de boxe, Jason Parillo, comentou que gostaria de ver seu pupilo pendurar as luvas, após vê-lo ser nocauteado por Yair Rodriguez no UFC Phoenix do último domingo (15).

Veja Também

Dana (foto) contou história polêmica com Ortiz Foto: Josh Hedges/UFC
Dana provoca Mayweather e recebe réplica dura: ‘Só um empregado’
Torgeson (foto) após luta com Thiago Silva (FOTO: Reprodução)
Vítima de Thiago Silva mostra hematoma impressionante na coxa
Mayweather receberá multa caso Conor não bata o peso Foto: Divulgação/Showtime
Mayweather afirma que só volta a lutar se for contra McGregor

“Estamos tristes. Obviamente, sempre temos muitas esperanças em relação ao BJ. Eu apoio que ele se aposente. Ele fez o suficiente pelo esporte. Foi campeão em duas categorias diferentes. Poucos caras fizeram isso. Ele já fez tudo que tinha que fazer dentro do MMA”, comentou Parillo em vídeo publicado pelo próprio UFC.

Porém, o técnico, que também trabalha com Cris Cyborg e Michael Bisping, acha que será difícil convencê-lo a se aposentar. Para Parillo, os amigos e familiares de Penn serão fundamentais para o prosseguimento ou não de sua carreira.

“Vai ser difícil para ele não querer voltar a lutar. Mas vão ser as pessoas a seu redor que lhe ajudarão a decidir. A questão é que BJ não faz lutas de aquecimento. Ele só é desafiado por monstros, por caras do top 10”, apontou.

BJ Penn foi derrotado pela quarta vez em suas últimas quatro lutas diante de Yair Rodriguez. Contra o mexicano, foi a primeira vez na sua carreira que o ex-campeão levou um knockdown, logo antes da sequência final de socos que o nocauteou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário