Performance do ‘Zumbi Coreano’ faz Dana mirar retorno do UFC à Coreia do Sul

Inativo há três anos, Chan Sun Jung retornou ao octógono nocauteando Dennis Bermudez em menos de três minutos

Sul-coreano nocauteou Bermudez no UFC Houston. (Foto: Getty Images)

Sul-coreano nocauteou Bermudez no UFC Houston. (Foto: Getty Images)

O nocaute avassalador de Chan Sung Jung em Dennis Bermudez, na luta principal do UFC Houston, no último sábado (04), impressionou, definitivamente, os patrões no UFC. Dana White, presidente da organização, admitiu que o retorno impecável do ‘Zumbi Coreano’, que estava há três anos afastado do octógono, foi uma motivação a mais para a franquia retornar à Coreia do Sul.

Veja Também

zumbicoreano-ufc-houston
Vídeo: Assista a vitória do Zumbi Coreano no UFC Houston
Zumbi comemora vitória sobre Bermudez (FOTO: Jeff Bottari/Getty Images)
Zumbi Coreano se vê perto do título e agradece ‘conselho’ de Cruz

“Eu não sei se alguém na história do mundo da luta já fez um retorno depois de mais de três anos sem competir e foi tão bem quanto ele foi essa noite. Muito impressionante. Ele nos deixou empolgados para o UFC Coreia. Eu e o Ari Emanuel (dono do UFC) temos conversado sobre ir para a Coreia e acho que essa noite ele selou esse acordo”, declarou o mandatário, em entrevista ao canal “Fox Sports” (EUA).

O Ultimate desembarcou pela primeira vez na Coreia do Sul, mais precisamente na capital Seul, em novembro de 2015, quando Ben Henderson derrotou Jorge Masvidal na luta principal da noite. Na ocasião, Chan Sung Jung ainda estava dedicado ao serviço militar obrigatório do país, o que inviabilizou sua presença no card.

Antes do último sábado, Zumbi Coreano tinha atuado pela última vez em agosto de 2013, quando foi nocauteado pelo brasileiro José Aldo no UFC 163. Aos 29 anos, ele soma 14 vitórias e quatro derrotas na carreira (4-1 no Ultimate).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário