Dana White elogia Anderson Silva e o compara a Tom Brady

Presidente do UFC é fã do jogador de futebol americano, que conquistou seu quinto Super Bowl no último domingo (5)

D. White (dir) elogiou A. Silva (esq) (FOTO: Jeff Bottari/Getty Images)

D. White (dir) rasgou elogios a A. Silva (esq) (FOTO: Jeff Bottari/Getty Images)

Veja Também

Camões (esq) está confiante para o retorno de Anderson (dir). (Foto: Getty Images)
Treinador garante ‘Spider’ motivado: “Estou vendo o Anderson do passado”
Emissora irá transmitir as lutas do card principal. (Foto: Getty Images)
Globo transmitirá o UFC 208, com Anderson, Jacaré e Glover no card
Fortuna está suspenso até março. (Foto: Getty Images)
Sete lutadores são suspensos por tempo indeterminado após o UFC Houston

Fã do New England Patriots, atual campeão do Super Bowl, Dana White fez questão de misturar o futebol americano com o MMA ao elogiar Anderson Silva. O brasileiro, que enfrenta Derek Brunson no UFC 208 do próximo sábado (11), foi comparado pelo presidente do Ultimate a Tom Brady, quarterback e principal jogador do time de Boston.

Para Dana White, não é só a genialidade que junta os dois atletas, mas também a longevidade. Enquanto Brady tem 39 anos e acaba de ser campeão pela quinta vez no futebol americano, Anderson está com 41 anos e foi dono do cinturão peso médio do UFC até os 38, quando perdeu o título para Chris Weidman.

“O Tom Brady do UFC, se você entrar no top cinco ou se tornar um campeão mundial, é muito difícil fazer isso, você é um craque. Mas se eu tivesse que escolher um, seria o Anderson Silva. Se você olhar o que o Anderson Silva tem feito e o tempo que ele está no jogo e como ele cuida de si mesmo… Eu iria com Anderson”, comentou o dirigente ao canal norte-americano TMZ.

Anderson fará diante de Brunson sua 43ª luta profissional de MMA. O ex-campeão tem 33 vitórias, oito derrotas e uma luta sem resultado. Apesar do cartel vitorioso, o Spider vem de dois reveses, para Michael Bisping e, mais recentemente, diante de Daniel Cormier. Seu último triunfo oficial foi diante de Stephan Bonnar, no UFC 153.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário