Ronaldo Jacaré crê que luta pelo cinturão ainda neste ano

Brasileiro enfrenta Tim Boetsch no UFC 208 deste sábado (11)

R. Jacaré enfrenta T. Boetsch no UFC 208 (FOTO: Jeff Bottari/getty Images)

R. Jacaré enfrenta T. Boetsch no UFC 208 (FOTO: Jeff Bottari/Getty Images)

Ronaldo Jacaré acredita que uma vitória sobre Tim Boetsch no UFC 208 lhe dará a chance de lutar pelo título dos médios. E o brasileiro se vê disputando o cinturão do Ultimate ainda em 2017. Em conversa com a imprensa na semana de seu combate com o norte-americano, Jacaré descartou a possibilidade de nunca ter a oportunidade de disputar um título mundial do UFC.

Veja Também

Boetsch enfrenta Jacaré no card principal do UFC 208. (Foto: Getty Images)
Adversário de Jacaré, Boetsch elogia o brasileiro: “É o melhor lutador da divisão”
Glover enfrenta Cannonier no UFC 208, neste sábado. (Foto: Getty Images)
Glover diz que superou nocaute relâmpago: “Voltei com sangue nos olhos”
Thunder (dir) posa com A. Silva (esq) FOTO: Arquivo Pessoal
Parceiro de Anderson que simulou Brunson crava: ‘Spider vai nocautear’

“Eu tenho certeza que vai acontecer (a luta pelo título). Eu sou muito bom e as coisas acontecem devagar com quem é muito bom. Eu preciso continuar lutando, estou feliz em estar aqui lutando pelo UFC e acredito que vou lutar pelo cinturão ainda este ano”, comentou o brasileiro em entrevista ao site norte-americano MMA Fighting.

Jacaré também falou do seu adversário, Tim Boetsch. Apesar de não ser um dos principais médios do UFC, dois atributos do norte-americano preocupam bastante o brasileiro.

“Ele é um lutador muito forte e seus socos com a mão direita, principalmente o cruzado e o gancho, são complicados. Ele é uma encrenca”, ressaltou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário