Holly Holm entra com recurso para anular derrota para De Randamie

Holm apelou para Comissão Atlética do Estado de Nova York, pedindo que a pontuação do combate seja reavaliada

Holm não concordou com derrota para De Randamie. (Foto: Getty Images)

Holm não concordou com derrota para De Randamie. (Foto: Getty Images)

Agora é oficial. Holly Holm e sua equipe entraram com um recurso à Comissão Atlética do Estado de Nova York para a anulação da derrota sofrida diante de Germaine de Randamie no UFC 208, realizado no último sábado (11), no Brooklyn (EUA), em duelo válido pelo cinturão inaugural do peso pena feminino.

Veja Também

Cyborg se irritou com nova campeã do UFC. Foto: Josh Hedges
Cris Cyborg ironiza campeã De Randamie: ‘Postura engraçada’
De Randamie quer nova luta com Holm (FOTO: Jeff Bottari/Getty Images)
De Randamie esquece de Cyborg e pede revanche com Holly Holm

De acordo com Paul Bardacke e Breanna Houghton, advogados da lutadora, a intenção é que o órgão responsável por regulamentar o combate reveja os erros do árbitro Todd Anderson, que permitiu que a holandesa disparasse dois golpes após o termino de dois assaltos, e retire um ou mais pontos da adversária de Holly.

“Nós pedimos, respeitosamente, que a comissão revise as falhas do árbitro Anderson e tome uma decisão a respeito da dedução de pontos após o segundo golpe no 2º round e a falha em avaliar uma falta e uma dedução do ponto após a 3º round, terminando um resultado apropriado”, diz o comunicado dos advogados de Holm.

Após o duelo, a própria Holm já havia expressado sua irritação com os socos após o gongo de De Randamie, dizendo que havia perdido o respeito pela holandesa, que se defendeu em postagem nas suas redes sociais, oferecendo uma revanche imediata à norte-americana.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário