Dana White garante que próxima luta de McGregor será no UFC

Presidente do Ultimate fecha portas temporariamente para luta do campeão irlandês contra Floyd Mayweather no boxe

Dana (dir) espera McGregor (esq) de volta em breve Foto: Josh Hedges/UFC

Dana (dir) espera McGregor (esq) de volta em breve Foto: Josh Hedges/UFC

As negociações de Conor McGregor e Floyd Mayweather não parecem estar indo bem. Pelo menos segundo o presidente do UFC, Dana White, que garantiu que a próxima luta do irlandês será no UFC e contra o vencedor de Tony Ferguson e Khabib Nurmagomedov, que se enfrentam no UFC 209 pelo título interino dos leves – o cinturão linear é de “Notorious”.

Veja Também

Holloway já lutou com McGregor (Foto: Getty Images)
Holloway diz que não vai implorar por nova luta com McGregor
Claudia (esq) pega Karolina (dir) no Rio (Foto: Getty Images/Produção: SUPER LUTAS)
Ultimate confirma Claudinha Gadelha contra Kowalkiewicz no UFC Rio
D. Maia (esq) pega J. Masvidal (dir) FOTOS: GettyImages/Produção: SUPER LUTAS
Demian deve enfrentar Jorge Masvidal no UFC Nashville, em abril

“Nós não chegamos a lugar nenhum (com as negociações entre McGregor e Mayweather). Lugar nenhum mesmo. A próxima luta de Conor será no UFC, nas regras do MMA, contra o vencedor de Tony Ferguson e Khabib Nurmagomedov”, confidenciou White ao canal norte-americano “TMZ”.

Apesar disso, White não é contra uma luta entre McGregor e Mayweather. O presidente do UFC admite que a luta trará muitos milhões e por isso declarou anteriormente que pretende organizá-la. Para Dana, o irlandês poderá ganhar muito dinheiro quando o duelo no boxe finalmente acontecer.

“Essa luta trará milhões e milhões de dólares. Vejo Conor ganhando algo entre US$ 30 e US$ 60 milhões com isso tudo”, ponderou.

A negativa de Dana com relação ao duelo entre Conor e Floyd, pelo menos neste primeiro momento, vai de encontro ao que o próprio McGregor disse em uma sessão de perguntas e respostas no mês passado. O irlandês garantiu que sua próxima luta seria no boxe, rejeitando a noção de que irá defender seu título dos leves do UFC antes de enfrentar Mayweather.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário