Bodão supera pressão da torcida e bate Darren Stewart no UFC Londres

Brasileiro encerrou rivalidade com rival após polêmica no UFC São Paulo, em novembro de 2016; O outro brasileiro no card, Vicente Luque perde

Bodão (esq.) derrotou D. Stewart (dir.) no UFC Londres. Foto: Josh Hedges / UFC

Bodão (esq.) derrotou D. Stewart (dir.) no UFC Londres. Foto: Josh Hedges / UFC

O brasileiro Francimar Bodão lavou a alma no UFC Fight Night Londres, evento realizado na tarde deste sábado (18), na capital inglesa. Depois da luta ‘sem resultado’ contra o inglês Darren Stewart, no UFC São Paulo, em novembro de 2016, o acreano superou a pressão torcida para virar a disputa contra o rival e levar a disputa na decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28). O triunfo marcou a quarta vitória de Bodão no Ultimate.

Veja Também

McGregor prometeu que próxima luta será no boxe (Foto: UFC)
McGregor garante luta com Mayweather e promete nocaute
C. Weidman não gostou do duelo Bisping x GSP (Foto: Getty Images)
Weidman diz que Bisping x St. Pierre é péssimo para a divisão dos médios

O outro brasileiro no card preliminar do UFC Londres, Vicente Luque não teve a mesma forte. Diante Leon Edwards, o brasiliense sentiu o ritmo da disputa e acabou derrotado na decisão dos juízes.

Bodão vence e se recupera

A história entre Bodão e Stewart chegou ao fim com final feliz para o brasileiro. Os lutadores se enfrentaram em novembro de 2016 com vitória do inglês, mas após uma apelação de Bodão, a Comissão Atlética Brasileira de MMA mudou o resultado do combate para ‘No Contest’ (sem resultado) devido a uma cabeçada iegal de Stewart e irritou o britânico. Mas no reencontro, sem polêmica, Fracimar chegou ao triunfo na casa do rival.

A luta começou com Stewart melhor. O inglês acertou bons golpes em pé e chegou a derrubar Bodão, mas logo se levantou.O brasileiro, sem se encontrar em pé, ainda tentou duas quedas no fim do round, mas não teve sucesso.

No segundo round, Bodão veio disposBodão supera pressão da torcida e bate Darren Stewart no UFC Londresto a virar a peleja. Ele encurtou a distância com chutes e derrubou o rival três vezes. Apesar de não conseguir trabalhar com efetividade no solo, o acreano dominou o rival e somou pontos

No terceiro assalto, com uma parcial para cada lado, Bodão conseguiu levar a melhor. Apesar dos lutadores bastante cansados, Fracimar conseguiu boas posições no clinch para somar pontos. Nos últimos 30s de combate, os dois lutadores buscaram desferir golpes e tentar quedas, mas nenhum dos dois teve sucesso nas tentativas de queda ou nocaute.

Luque perde na decisão

Chegou ao fim a sequência de vitórias de Vicente Luque no UFC. O brasiliense, que tinha quatro triunfos em série, parou o bom momento diante de Leon Edwards. O brasileiro até começou bem a disputa no primeiro assalto, Luque conseguiu colocar seu jogo de solo em ação. Com tranquilidade, ele derrubou o rival, passou a guarda e, apesar de não golpear ou ficar perto de finalizar, controlou as ações sem qualquer susto. Mas a partir do segundo round, a história mudou.

Edwards cresceu na disputa com boas combinações de golpes, Edwards conseguiu a queda e dominou as ações, somando pontos e desgastando o brasiliense.

No terceiro assalto, com a disputa empatada, Leaon Edwards cresceu. Enquanto Luque mostrava grande cansaço, o inglês colocava grande volume de golpes. No desespero para tentar somar pontos, o brasileiro levou o rival para a grade, mas foi derrubado e terminou a luta com as costas no chão.

Ao final, vitória de Leon Edwards na decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28)

Edwards (dir.) bateu Luque no UFC Londres. Foto: Josh Hedges / UFC

Edwards (dir.) bateu Luque no UFC Londres. Foto: Josh Hedges / UFC

 

 

Resultados do card preliminar do UFC Londres

Peso leve: Joe Duffy derrotou Reza Madadi na decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27, 30×27)

Peso meio-pesado: Francimar Bodão derrotou Darren Stewart na decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28)

Peso pesado: Tim Johnson derrotou Daniel Omielanczuk na decisão dividida dos juízes (30×27, 28×29, 29×28)

Peso meio-médio:Leon Edwards derrotou Vicente Luque na decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28)

Peso leve: Marc Diakiese derrotou Teemu Packalen por nocaute a 30s do R1;

Peso médio: Tom Breese x Oluwale Bamgbose luta cancelada

Peso galo: Ian Entwistle x Brett Johns luta cancelada

Peso médio: Brad Scott derrotou Scott Askham na decisão dividida dos juízes (29×28, 28×29, 29×28)

Peso galo: Lina Lansberg derrotou Lucie Pudilova na decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário