Dana White elogia McGregor e abre porta para luta com Mayweather

Dirigente falou que irlandês fez muito pelo Ultimate e era hora de recompensá-lo pela ajuda nos últimos anos

D. White (esq) falou bem de C. McGregor (dir) (Foto: Brandon Magnus/UFC)

D. White (esq) falou bem de C. McGregor (dir) (Foto: Brandon Magnus/UFC)

O presidente do UFC, Dana White, inicialmente se opôs a ver seu campeão peso leve, Conor McGregor, se aventurando no boxe contra Floyd Mayweather, um dos maiores nomes da nobre arte em todos os tempos. Porém, o dirigente disse que a gratidão que sente pelo irlandês o ajudou a mudar de ideia.

Veja Também

J. Kavanagh (esq) observa pupilo C. McGregor (Foto: Jeff Bottari/ufc)
Treinador de McGregor garante que já treina pupilo para Mayweather
N. Diaz (dir) fez acusações contra D. White (esq) e McGregor Foto: Josh Hedges/UFC
Nate Diaz dispara contra Dana White: ‘Está mentindo sobre mim’
D. Cormier (esq) não desviou o olhar de A. Johnson (dir) (Foto: Jeff Bottari/UFC)
Cormier e Johnson têm encarada tensa em evento antes do UFC 210

Dana rasgou elogios ao jeito como McGregor lidou com o UFC e diante de mudanças de adversários a poucos dias de lutas, e disse que, por isso, não poderia negar ao campeão a chance de ganhar tanto dinheiro quanto ele poderá ganhar se a luta com Mayweather sair do papel.

“Esse garoto faz e acontece. Muita gente fala e pouca gente realmente faz. Conor McGregor é como um unicórnio. Nunca lidei com um garoto como esse. Esse cara manteve o discurso quando muita gente em sua posição não faria o mesmo. Eu já disse isso milhões de vezes. Eu sou o cara que está do lado desses lutadores quando eles estão pensando em aceitar um novo adversário a uma semana da luta e Conor McGregor nem hesita (…) Então para ele, ter esse tipo de oportunidade, onde vai fazer muito dinheiro, uma luta que todos querem ver, parece que é a minha obrigação ajudá-lo. Tenho muito respeito por McGregor”, reconheceu White, em entrevista ao programa norte-americano “The Herd”.

Apesar das palavras de Dana White, a luta ainda não está fechada. O próprio irlandês precisa resolver as diferenças com Floyd Mayweather para que os dois possam entrar no ringue. O norte-americano quer uma fatia maior de todo o lucro do duelo, enquanto McGregor procura uma divisão igual do dinheiro que a luta gerar.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário