Dos Anjos ironiza desafio de Covington: ‘Achei que era do Bellator’

Brasileiro se irritou com provocações de Colby Covington, que pediu para enfrentá-lo, mas não teve seu desejo realizado

R. dos Anjos (foto) é ex-campeão dos leves. Foto: Josh Hedges/UFC

R. dos Anjos (foto) é ex-campeão dos leves. Foto: Josh Hedges/UFC

O brasileiro Rafael Dos Anjos tem sido repetidamente provocado por Colby Covington, que queria lutar com o ex-campeão dos leves em sua estreia nos meio-médios. Porém, RDA acabou assinando para enfrentar Tarec Saffiedine no UFC Cingapura. Mas Covington, que enfrenta Dong Hyun Kim no mesmo evento, seguiu ironizando Dos Anjos, que respondeu à altura.

Veja Também

Anderson já perdeu para Weidman duas vezes Foto: Josh Hedges/UFC
Anderson Silva ironiza nova derrota de Weidman: “A sorte acabou”
R. Jacaré conversou com o Super Lutas antes de luta com R. Whittaker (Foto: Jeff Bottari/UFC)
Entrevista: Jacaré elogia adversário, mas dispara: ‘Me vejo como o campeão’
L. Higo (esq) não poderá ser campeão em cima de D. Dantas (dir) (Foto: Bellator)
Higo não bate o peso e luta com Dantas não será pelo título

Em coletiva realizada na Cingapura nesta semana, os dois estiveram perto um do outro na mesa da entrevista e Covington aproveitou a oportunidade para cutucar o brasileiro, dizendo que a parceria entre a USADA e o UFC tinha “mudado o MMA” para Dos Anjos. RDA respondeu, dizendo que achava que Covington lutava no Bellator, conhecido por ser o segundo maior evento do mundo, atrás do Ultimate.

“Eu não tenho nada a dizer. Eu sou ex-campeão dos pesos-leves. Pensei que esse senhor era um lutador do Bellator quando ele começou a me atacar na mídias sociais. Eu nem sabia quem ele era. E acho que essa nova geração de lutadores de MMA está tentando chamar a atenção falando. Só há um Conor McGregor. Você tem que ser autêntico, não pode tentar copiar outras pessoas. Seja você mesmo”, comentou Rafael.

Apesar de ainda não ser conhecido do grande público, Covington é tido como um dos maiores prospectos da divisão dos meio-médios. O norte-americano teve uma carreira de sucesso no wrestling em nível universitário e, no UFC, tem seis vitórias e uma derrota. O único revés foi para o brasileiro Warlley Alves. Ele vem de três vitórias seguidas e poderá entrar no ranking em caso de vitória sobre Kim.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário