Conor McGregor aparece em lista dos 100 mais influentes do mundo

Irlandês é incluído em lista da tradicional revista ‘Time’, que ainda conta com Neymar, Lebron James e Tom Brady entre os 100

McGregor está na lista da revista 'Time' (Foto: Brandon Magnus/UFC)

McGregor está na lista da revista ‘Time’ (Foto: Brandon Magnus/UFC)

 

Conor McGregor é, de fato, uma estrela que transcende os octógonos. Mais uma prova disso é que a revista ‘Time’ incluiu o irlandês em sua tradicional lista das 100 personalidades mais influentes do mundo, publicada anualmente. O campeão peso leve do UFC foi o único esportista citado na categoria ‘Pioneiros’.

Veja Também

Duelo entre Floyd e McGregor está fechado. Foto: Reprodução
Salários de McGregor x Mayweather devem chegar a meio bilhão de reais
C. McGregor tem focado treinos no boxe (FOTO: Brandon Magnus/UFC)
Conor McGregor constrói arena para treinos contra Mayweather

Além de McGregor, outros atletas foram citados em diferentes categorias, como Neymar, LeBron James, Tom Brady, Simone Biles e Colin Kaepernick.  Ao todo, as 100 personalidades foram distribuídas entre as categorias “Pioneiros”, “Artistas”, “Líderes”, “Titãs” e “Ícones”.

O astro Arnold Schwarzenegger, responsável por apresentar a lista, escreveu um texto de apresentação para o lutador.

“Conor McGregor é mais que um lutador, mais que um atleta, e mais até mesmo que um campeão, por ter sido a primeira pessoa na história a deter dois cinturões do UFC simultaneamente. Ele é algo diferente. Ele é uma daquelas raras personalidades que se torna maior do que o seu esporte. Aquele corpo esguio e compacto dever ter dificuldades em conter seu enorme caráter.

Desde a primeira vez que tive contato com Conor, eu soube que ele não é o tipo de estrela que se consegue confinar em uma só categoria. A partir do momento em que o conheci, posso dizer que o que se vê na TV – na agora familiar figura das artes marciais mistas – é apenas a ponta do iceberg. Esse cara nascido em Dublin é afiado, disciplinado e carismático. Sua energia é absolutamente contagiosa, ao ponto de fazer você começar a quase gritar com agora mundialmente famoso sotaque irlandês ao ouví-lo por apenas 30 segundos.

Conor tem um fogo nas entranhas que não pode ser abafado por cinturões de campeão mundial. Não há freios que possam parar o seu motor.”

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário