Nate Diaz se irrita com UFC e dispara contra McGregor: ‘É uma p…’

Norte-americano soltou o verbo e criticou duramente Dana White, Ultimate e seu arquirrival irlandês

N. Diaz (dir) fez acusações contra D. White (esq) e McGregor Foto: Josh Hedges/UFC

N. Diaz (dir) fez acusações contra D. White (esq) e McGregor Foto: Josh Hedges/UFC

O peso leve Nate Diaz mostrou novamente todo o seu lado rebelde ao criticar duramente o UFC e Conor McGregor em entrevista ao programa “The MMA Hour”. O norte-americano se irritou com a falta de apoio do Ultimate nos bastidores e reclamou do arquirrival irlandês, garantindo que venceu as duas lutas sobre ele – oficialmente, Nate tem uma vitória por finalização e uma derrota por decisão.

Veja Também

Woodley acredita que Demian não precisava lutar com Masvidal (Foto: Brandom Magnus/UFC
Woodley chama Demian de ‘estúpido’ por aceitar luta contra Masvidal
Cigano irá enfrentar o campeão Miocic no UFC 211. (Foto: Jeff Bottari/UFC)
Cigano quer reconquistar o cinturão para ser o ‘mais malvado do mundo’
St. Pierre (foto) só voltará ao octógono no segundo semestre Foto: Reprodução/Youtube
St. Pierre indica que retorno pode acontecer em card em Nova York

“McGregor não tem respeito por ninguém. Aquele pedaço de m…. desrespeitoso. Eu espancaria esse cara em uma luta de boxe. Eu sou o verdadeiro campeão de dois pesos, pois bati nesse cara depois que ele venceu Aldo e antes dele vencer Alvarez. Conor é uma p….Ele foi espancado e finalizado. E na segunda luta a decisão só foi a favor dele porque era o que o UFC queria”, disparou o peso leve.

Diaz ainda falou sobre o fato de todo o esforço em publicidade do UFC ser direcionado a Conor e reclamou também de não ter tido reconhecimento após vencer McGregor com menos de três semanas para se preparar para o primeiro combate entre os dois, no UFC 196.

“Eu queria ser tratado com mais respeito e receber um elogio. Será que posso ser elogiado por ter espancado esse cara? Todo o trabalho de imprensa que eu fiz na segunda luta, indo a talk shows de Conan O’Brien e Jimmy Kimmell, foi tudo arranjado por uma empresa de publicidade que eu contratei. Eles (UFC) tentaram me congelar e me deixaram morrer na praia. Mas eu não vou morrer (…) Onde está Jon Jones? Rousey foi embora e Conor quer enfrentar Floyd Mayweather, então o UFC só tem eu e Nick (Diaz, seu irmão mais velho)”, desafiou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário