Cigano não resiste a Miocic e é nocauteado no UFC 211

Croata-americano precisa de menos de três minutos para apagar, com sequência de golpes, o ex-campeão, que não teve boa atuação

S. Miocic segue como campeão do mundo (Foto: Facebook/UFC)

S. Miocic segue como campeão do mundo (Foto: Facebook/UFC)

O ex-campeão Júnior Cigano não teve boa atuação na luta principal do UFC 211, evento realizado neste sábado (13), em Dallas, e acabou sendo superado por sua antiga vítima, o croata-americano Stipe Miocic, atual dono do cinturão dos pesos pesados. A derrota do brasileiro veio por nocaute logo no primeiro assalto, ao contrário do que aconteceu no primeiro encontro entre os dois. Eles haviam se enfrentado em dezembro de 2014, quando Dos Santos conseguiu uma vitória por decisão em duelo equilibrado.

Veja Também

Joanna segue como campeã (Foto: Reprodução/Twitter)
Bate-Estaca mostra raça, mas é derrotada por Joanna no UFC 211
Demian vai disputar o cinturão dos meio-médios (Foto: Reprodução/Facebook)
Demian vence Masvidal e garante chance pelo título dos meio-médios
D. Poirier (foto) apagou com golpe ilegal (Foto: Reprodução/Twitter)
Golpe ilegal interrompe luta entre Poirier e Alvarez no UFC 211

Desta vez, porém, o combate durou apenas dois minutos e 22 segundos. Nesse momento, Miocic acertou um golpe duro no queixo de Cigano, que caiu já sem ação e o norte-americano apenas conferiu o trabalho, esperando a interrupção do árbitro. É a segunda vez que Stipe defende o cinturão dos pesados, conquistado no Brasil, no histórico UFC 198, de maio do ano passado. Após a luta, Miocic brincou com o repórter Joe Rogan ao ser perguntado sobre quem seria o seu próximo desafio.

“Minha cozinha! Tenho que retornar para minha casa e ajudar minha esposa. Dallas, vocês foram demais. Eu sou o melhor do mundo e não vou parar tão cedo”, comentou o croata-americano.

A luta

Companheiro de Joanna Jedrzejczyk na American Top Team, Cigano parecia ter a mesma estratégia da polonesa: investir nos chutes baixos. Logo nos dois primeiros golpes soltos na perna de Miocic, um inchaço começou a ficar visível, aumentando o senso de urgência do campeão, que aos poucos foi encurralando o brasileiro.

Cigano ainda tentou se livrar do jogo de grade de Miocic, mas o croata-americano manteve a pressão e foi castigando aos poucos o desafiante. Até que soltou o golpe derradeiro. Júnior caiu e tentou se defender, mas já estava sem condições de luta e o árbitro Herb Dean foi correto ao parar o combate e declarar Stipe Miocic como vencedor.

Resultados do UFC 211

CARD PRINCIPAL 

Peso pesado: Stipe Miocic venceu Júnior Cigano por nocaute técnico aos 2m22s do R1

Peso palha: Joanna Jedrzejczyk venceu Jéssica Bate-Estaca por decisão unânime (50-45, 50-44, 50-45)

Peso meio-médio: Demian Maia venceu Jorge Masvidal por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)

Peso pena: Frankie Edgar venceu Yair Rodriguez por nocaute técnico (interrupção médica)

Peso médio: David Branch venceu Krzysztof Jotko por decisão dividida (28-29, 29-28, 29-28)

CARD PRELIMINAR

Peso leve: Eddie Alvarez x Dustin Poirier – Sem resultado (golpe ilegal, acidental)

Peso pena: Jason Knight venceu Chas Skelly por nocaute técnico aos 39s do R3

Peso pesado: Chase Sherman venceu Rashad Coulter por nocaute aos 3m36s do R2

Peso leve: James Vick venceu Marco Polo Reyes por nocaute técnico aos 2m39s do R1

Peso palha: Cortney Casey venceu Jessica Aguilar por decisão unânime (3x 30-27)

Peso pena: Enrique Barzola venceu Gabriel Benítez por decisão unânime (3x 29-28)

Peso meio-pesado: Gadzhimurad Antigulov venceu Joachim Christensen por finalização (mata-leão) aos 2m21s do R1

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário