Woodley minimiza chances de Demian: ’Não pega minhas costas’

Atual campeão dos meio-médios, Woodley afirmou que Demian não conseguirá usar seu jiu-jítsu no duelo entre eles

Campeão Woodley deve ser o próximo oponente de Demian (Foto: Facebook/UFC)

Campeão Woodley deve ser o próximo oponente de Demian (Foto: Facebook/UFC)

Logo após Dana White confirmar que Demian Maia será o próximo desafiante ao título da categoria dos meio-médios (até 77kg), o atual campeão do peso Tyron Woodley fez questão de minimizar as chances do brasileiro. De acordo com atual detentor do cinturão, o jiu-jítsu do brasileiro não surtirá efeito quando eles se enfrentarem.

Veja Também

Próximo a disputar o cinturão, Demian crava: ‘Posso vencer todos’
Woodley acredita que Demian não precisava lutar com Masvidal (Foto: Brandom Magnus/UFC
Woodley chama Demian de ‘estúpido’ por aceitar luta contra Masvidal

“É como dizemos após os treinos na Roufusport: “Eles acham que querem um pouco, mas eles não querem nada”. Vocês têm que reconhecer que eu tenho os melhores números em defesas de quedas em toda a divisão dos meio-médios, e a segunda de todo o UFC. Já enfrentei os “Andrés Galvãos” e os “Jake Shields” da vida. Se Demian Maia acha que vai pegar as minhas costas e me levar para o chão como fez com Jorge Masvidal e Carlos Condit, é melhor ele tirar o seu cavalo da chuva”, declarou, em entrevista ao canal “FS1”.

Woodley, 35 anos, se tornou campeão da categoria ao derrotar Robbie Lawler no UFC 201, em julho de 2016, por nocaute no primeiro round. Ele defendeu seu cinturão em duas oportunidades, ambas contra Stephen Thompson, tendo empatado a primeira e vencido a revanche, em março deste ano. Com 17 vitórias e apenas três derrotas na carreira, o T-Wood não sabe o que é perder desde 2014, quando foi superado por Rory MacDonald na decisão unânime dos juízes. No Ultimate, soma sete resultados positivos, dois negativos e um empate.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário