Conor McGregor se torna um dos 25 atletas mais bem pagos do mundo

Irlandês lucrou US$ 34 milhões com bolsas das duas lutas contra Nate Diaz e do duelo pelo título dos leves diante de Eddie Alvarez

Conor (foto) é um dos atletas mais bem pagos do mundo Foto: Divulgação

Conor (foto) é um dos atletas mais bem pagos do mundo Foto: Divulgação

O ano de 2016 foi inesquecível para Conor McGregor e segue lhe rendendo frutos, já no meio de 2017. O peso leve irlandês foi eleito um dos 25 atletas mais ricos do mundo, com ganhos de US$ 34 milhões (R$ 110 milhões) no ano passado, quando teve sua primeira derrota no UFC, em março contra Nate Diaz, mas conseguiu vingar o revés em agosto e fez história em novembro. No UFC 205, Conor se tornou o primeiro lutador a ter dois títulos do Ultimate ao mesmo tempo ao capturar o cinturão dos leves contra Eddie Alvarez enquanto ainda tinha o título dos penas.

Veja Também

Lobov (dir) é amigo pessoal de McGregor (esq) Foto: Reprodução Instagram @thenotoriousmma
Parceiro de treinos de McGregor, Artem Lobov desafia José Aldo
Johnson tem dez defesas de cinturão (Foto: Reprodução/ Facebook/UFC)
Johnson desabafa, detona o UFC e diz ser menosprezado por Dana White
M. Holloway (dir) elogio J. Aldo (esq) Foto: Reprodução Instagram @blessedmma
Max Holloway rende homenagem emocionada a Aldo: ‘Maior de todos’

Conor McGregor é o único nome do MMA na lista, que ordena os 100 atletas mais bem pagos do mundo e se divide em ganhos através de salários (no caso do irlandês, bolsas por luta) e ganhos com publicidade ou patrocínio. O campeão peso leve ganhou US$ 27 milhões em bolsas e US$ 7 milhões em publicidade/patrocínio, principalmente da Reebok. “The Notorious” é também o principal representante dos esportes de combate na lista, já que nenhum boxeador ganhou mais do que ele em 2016.

O levantamento dos atletas mais ricos do mundo foi feito pela revista “Forbes”. No topo, está o atacante Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, com um ganho de US$ 93 milhões em 2016. LeBron James, Lionel Messi, Roger Federer e Kevin Durant completam o top-5. O primeiro brasileiro da lista é o atacante Neymar, do Barcelona, que ganhou US$ 37 milhões no ano passado e está na 18ª colocação.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário