Bellator 180: Sonnen domina Wanderlei Silva e vence na decisão

Sonnen não teve dificuldades para controlar o rival no chão e venceu os três rounds da luta principal do Bellator 180

Sonnen (foto) venceu Wand no Bellator. Foto: Reprodução / Facebook / BellatorMMA

Sonnen (foto) venceu Wand no Bellator. Foto: Reprodução / Facebook / BellatorMMA

A espera durou mais de três anos. Nesse tempo, muitas provocações de ambos os lados, o que fez com que a rivalidade entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen crescesse cada vez mais e, consequentemente, despertasse o interesso dos fãs em um combate entre os dois. Neste sábado (24), finalmente, o aguardado acerto de contas aconteceu dentro do cage circular.

E melhor para Sonnen, que dominou Wanderlei no chão, venceu na decisão unânime dos juízes (30×26, 30×27, 30×27) e saiu como o grande vitorioso do duelo principal do Bellator 180, realizado em Nova York, no lendário Madison Square Garden. Essa foi a 29ª vitória da carreira do norte-americano, que se recuperou do revés sofrido diante de Tito Ortiz, em janeiro deste ano.

Veja Também

Sonnen (dir) dominou Wand (esq) na luta principal(Foto: Reprodução/ BellatorMMA)
Vídeo: Assista a vitória de Sonnen sobre Wanderlei Silva no Bellator 180
Mitrione nocauteou Fedor no R1 (Foto: Reprodução/Youtube)
Bellator 180: Após quase ‘nocaute duplo’, Mitrione nocauteia Fedor
Mitrione (dir.) bateu Fedor (esq.) Foto: Reprodução / Twitter / BellatorMMA
Vídeo: Veja o nocaute de Mitrione sobre Fedor no Bellator 180
Bader é o novo campeão meio-pesado do Bellator (Foto: Reprodução/Youtube)
Bellator 180: Bader bate Davis na decisão e conquista cinturão dos meio-pesados

O Cachorro Louco, por sua vez, que voltou a atuar após um hiato de quatro anos, foi superado pela 13ª como profissional. Antes, sua última exibição foi em março de 2013, quando nocauteou Brian Stann, ainda pelo UFC.

Na entrevista pós-luta, o falastrão aproveitou para desafiar Fedor Emelianenko, que foi nocauteado por Matt Mitrione no mesmo card. “Eu finalizei Tito Ortiz em menos de um minuto, venci Wanderlei e Fedor Emelianenko, você pediu meu autógrafo no fundo, eu decidi que vou te dar, mas no final de um contrato para enfrentá-lo!”, disparou Sonnen, ironizando a derrota para Tito.

A luta

O combate começou com Sonnen vindo para cima com tudo, derrubando o brasileiro sem dificuldade. Por cima, o americano passou a golpear o brasileiro, que tentava se defender. O ritmo seguiu o mesmo, com Chael por cima e levando vantagem. Contudo, Wand conseguiu aproveitar uma brecha dada pelo rival e se levantou. A luta voltou para centro do octógono, com Wanderlei conectando um forte cruzado de direita, levando Sonnen a knockdown. Contudo, o brasileiro não soube aproveitar o bom momento e deixou o oponente se levantar, após alguns segundos por cima. Sonnen, de novo, não teve dificuldades para aplicar a queda e levou a luta novamente para o chão, aonde ficou até o gongo soar.

Sonnen, assim como na primeira etapa, iniciou tomando a iniciativa, mas sentiu ao tomar um golpe de encontro. Sem pestanejar, o americano levou a luta novamente para o chão, mas Wand caiu com a guilhotina encaixada. O golpe ficou encaixado por mais de um minuto, com quase nenhuma efetividade de ambos os lados, até que o árbitro centro mandou o combate ficar novamente em pé. Mas por pouco tempo, uma vez que Chael aplicou outra queda. Por cima, Sonnen seguiu golpeando e pontuando, enquanto Silva pouco reagia.

Wand voltou mais agressivo para a etapa decisiva, mas não teve tempo para trabalhar, uma vez que foi rapidamente quedado. O cenário foi o mesmo dos rounds anteriores, com Sonnen pressionando o brasileiro por cima, que pouco fazia. Sonnen raspou e foi para a meia-guarda, tentando pegar o braço do brasileiro. Silva, no entanto, conseguiu se defender. O norte-americano seguiu controlando o combate até o fim, garantindo a vitória por pontos.

RESULTADOS DO BELLATOR 180

CARD PRINCIPAL

Peso meio-pesado: Chael Sonnen derrotou Wanderlei Silva por decisão unânime dos juízes (30×26, 30×27, 30×27)

Peso pesado: Matt Mitrione derrotou Fedor Emelianenko por nocaute técnico aos 1m14s do R1

Peso leve: Brent Primus derrotou Michael Chandler por nocaute técnico (interrupção médica) aos 2m22s do R1

Peso leve: Zach Freeman derrotou Aaron Pico por finalização aos 24 segundos do R1

Peso meio-médio: Douglas Lima derrotou Lorenz Larkin por decisão unânime dos juízes (48×47, 48×47, 48×47)

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado: Ryan Bader derrotou Phil Davis por decisão dividida dos juízes (49×46, 47×48, 49×46)

Peso médio: Neiman Gracie x Dave Marfone

Peso pena: James Gallagher derrotou Chinzo Machida por finalização (mata-leão) aos 2m22s do R1

Peso mosca: Heather Hardy derrotou Alice Yauger por nocaute técnico aos 4m47s do R3

Peso leve: Ryan Couture derrotou Haim Gozali por decisão unânime dos juízes (30×26, 30×27, 30×27)

Peso médio: Anthony Giacchina derrotou Jerome Mickle por finalização (estrangulamento) aos 3m40s do R3

Peso meio-médio: Hugh McKenna derrotou John Salgado por finalização (kimura) aos 4m06s do R1

Peso mosca: Matt Rizzo derrotou Sergio da Silva por finalização (triângulo de braço) aos 3m48s do R3

Peso leve: Bradley Desir derrotou Nate Grebb por nocaute técnico aos 2m54 do R1

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário