Com ‘ajuda’ de árbitro brasileiro, Kevin Lee finaliza Michael Chiesa no UFC Oklahoma

Brasileiro Mario Yamazaki interrompe a luta antes da hora e irrita Michael Chiesa; Ex-campeões BJ Penn e Johny Hendricks perdem mais uma e se complicam

Lee venceu a luta principal do UFC OKC. Foto: Reprodução / Facebook / UFC

Lee venceu a luta principal do UFC OKC. Foto: Reprodução / Facebook / UFC

Kevin Lee e Michael Chiesa trocaram muitas provocações antes de se enfrentarem, mas dentro do octógono a polêmica ficou por conta do árbitro brasileiro Mario Yamazaki. No duelo principal do UFC Oklahoma, realizado na noite deste domingo (25), Lee esteve perto de finalizar Chiesa com um mata-leão no primeiro round, mas quando o lutador parecia se desvencilhar do golpe, o mediador brasileiro encerrou a disputa precipitadamente e irritou todo o público presente na Chesapeake Energy Arena, em Oklahoma City (assista o vídeo da polêmica abaixo).

Além da polêmica na luta principal, o UFC Oklahoma trouxe as derrotas dos ex-campeões Johny Hendricks e BJ Penn e a perda do brasileiro Vitor Miranda diante de Marvin Vettori no programa preliminar

Lee finaliza Chiesa com polêmica

Veja Também

V. Miranda (esq.) perdeu para M. Vettori (dir.) Foto: Reprodução / Facebook / UFC
Vitor Miranda perde para italiano no UFC Oklahoma
Sonnen (dir) dominou Wand (esq) na luta principal(Foto: Reprodução/ BellatorMMA)
Vídeo: Assista a vitória de Sonnen sobre Wanderlei Silva no Bellator 180
Wand empurrou Sonnen (Foto: Reprodução/Twitter/BellatorMMA)
Vídeo: Após derrota, Wanderlei empurra Sonnen durante entrevista

A expectativa de uma grande luta parecia se concretizar. Kevin Lee e Michael Chiesa trocaram ofensas durante a promoção do UFC Oklahoma e o duelo começou quente. Chiesa começou melhor e logo acertou um bom chute alto. Na sequência chegou a queda, mas sem conseguir manter a disputa no solo.

No recomeço na luta em pé, foi a vez de Lee derrubar o rival de maneira plástica. Ele levantou Chiesa e o cravou no chão. A partir dai ele chegou às costas e partiu para o mata-leão, Michael ainda defendeu o estrangulamento em duas oportunidades. Na terceira vez que Lee partiu para o estrangulamento, Chiesa também parecia sair do golpe, mas o árbitro brasileiro Mário Yamasaki interrompeu o combate e irritou profundamente o lutador.

“Eu estava tentando tirar o braço dele com o cotovelo pra baixo. Mas não vou falar nada do juiz. Agora, Kevin, vou ver você em dezembro, em Detroit”, disparou um irritado Michael Chiesa.

Tim Boetsch afunda ainda mais Johny Hendricks

Ex-campeão dos meio-médios, Johny Hendricks vive seu inferno astral. Depois de ser forçado a deixar a categoria de meio-médios (até 77,1 kg.) e subir aos médios (até 84 kg.) por não bater o peso, o norte-americano falhou na pesagem do UFC Oklahoma na nova divisão. Para completar os problemas, Hendricks teve uma atuação apagada foi nocauteado por Tim Boetsch.

O triunfo do ‘Bárbaro’ veio em grande estilo. Ele acertou belo chute alto de direita, que balançou o ex-campeão. Na sequência, Boetsch partiu pra cima, desferiu diversos ganchos e cruzados em Hendricks, que não resistiu e caiu. Sem reação de Johny, o árbitro foi forçado a encerrar a disputa e decretar o nocaute técnico.

BJ Penn perde mais uma

Considerado um dos maiores lutadores de todos os tempos, BJ Penn não vive os melhores momentos de sua carreira. O havaiano, ex-campeão dos leves e meio-médios, encarou Dennis Siver e sofreu a quinta derrota consecutiva. Na noite deste domingo, o ‘Prodígio’  sofreu com o ritmo da luta e perdeu na decisão majoritária dos juízes (28-28, 29-28, 29-27)

Longe de seus melhores momentos, BJ sofreu no início da luta. Siver com mais movimentação acertou o havaino com muita velocidade. O russo radicado na Alemanha conectou boas joelhadas e bons golpes de mão para abrir frente na luta.

No segundo round, a disputa parecia seguir o mesmo caminho, mas Penn teve um lampejo de seus melhores dias quando acertou uma bomba de direita em Dennis, que caiu. Na sequência, BJ foi pra cima, acertou alguns golpes, mas não conseguiu encerrar a disputa.

Com o duelo equilibrado, Siver voltou para o terceiro assalto já recuperado dos golpes sofridos na parcial anterior. Ele impôs seu ritmo com velocidade e trabalhou boas combinações contra Penn. Por outro lado, o ex-campeão mostrou muito cansaço e mal conseguia se defender. Dennis pressionou BJ contra as grades com socos e vários chutes e esteve perto do nocaute. Ao final, vitória de Dennis Siver na decisão unânime dos juízes.

Resultados do UFC Oklahoma

CARD PRINCIPAL 

Peso leve: Kevin Lee finalizou Michael Chiesa com um mata-leão a 4m37s do R1

Peso médio: Tim Boetsch derrotou Johny Hendricks por nocaute técnico a 46s do R2

Peso palha: Felice Herrig derrotou Justine Kish na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-26, 29-27)

Peso meio-pesado: Dominick Reyes derrotou Joachim Christensen por nocaute técnico a 29 seg. do R1

Peso meio-médio: Tim Means derrotou Alex Garcia na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pena: Dennis Siver derrotou BJ Penn na decisão majoritária dos juízes (28-28, 29-28, 29-27)

CARD PRELIMINAR 

Peso leve: Clay Guida derrotou Erik Koch na decisão dos juízes (29-28, 29-26, 30-27)

Peso médio: Marvin Vettori derrotou Vitor Miranda na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso palha: Carla Esparza derrotou Maryna Moroz na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Peso leve: Darrell Horcher derrotou Devin Powell na decisão dividida dos juízes (29-28, 29-28, 28-29)

Peso pena: Jared Gordon derrotou Michel Quiñones por nocaute técnico a 4m22s do R2

Peso leve: Tony Martin derrotou Johnny Case na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso meio-pesado:  Jeremy Kimball derrotou Josh Stansbury por nocaute técnico a 1m21s do R1

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário