De volta ao Brasil, Wand revela emoção em retorno e pede revanche com Sonnen

Através de um longo posto no Instagram, Wanderlei Silva falou da emoção de voltar a competir e do desejo de reencontrar seu arquirrival

Wand ataca Sonnen no solo no Bellator. Foto: Reprodução / Facebook / Bellator

Wand ataca Sonnen no solo no Bellator 180. Foto: Reprodução / Facebook / Bellator

A derrota para Chael Sonnen ainda está engastada para Wanderlei Silva. O brasileiro retornou ao país nesta terça-feira (27), após a luta no Belator 180, no último sábado (24) e já sonha com a revanche diante de seu arquirrival.

Através de um longo post no Instagram, Wand falou da emoção de voltar a competir – ele não lutava desde março de 2013 quando nocauteou Brian Stann no UFC -, lamentou o revés em sua 50ª luta na carreira e revelou que irá em busca da revanche contra Sonnnen. Para o ‘Cachorro Louco’ um novo encontro diante do falastrão norte-americano ‘é pessoal’.

Veja Também

Sonnen (foto) venceu Wand no Bellator. Foto: Reprodução / Facebook / BellatorMMA
Bellator 180: Sonnen domina Wanderlei Silva e vence na decisão
Wand empurrou Sonnen (Foto: Reprodução/Twitter/BellatorMMA)
Vídeo: Após derrota, Wanderlei empurra Sonnen durante entrevista
Wanderlei não pensa em aposentadoria (Foto: Reprodução/Facebook/BellatorMMA)
Após revés para Sonnen, Wand diz que vai treinar mais defesa de quedas
Sonnen (dir) dominou Wand (esq) na luta principal(Foto: Reprodução/ BellatorMMA)
Vídeo: Assista a vitória de Sonnen sobre Wanderlei Silva no Bellator 180

“Acabei de chegar no Brasil e fui direto dar uma voltinha de bike, pra matar as saudades daqui. Essa semana foi uma semana de fortes emoções pra mim, de aprendizado e de superação… tive (assim como todos que têm um grande desafio pela frente) uma guerra mental muito grande e intensa… eu não poderia errar na luta… TUDO pode acontecer, imagina se entro e levo uma bomba como aconteceu com o Fedor, situação essa que já aconteceu comigo e pode acontecer com qualquer um. É muito difícil quando acontece isso, principalmente contra um arquirrival. Nossa mente é condicionada a pensar muitas vezes no pior… Já repararam que pensamento ruim vem sozinho? O bom você tem que pensar, pois bem… fiz muito isso pra me motivar… estava há quatro anos sem lutar e fui direto fazer a luta principal na arena mais famosa do mundo, local onde todos os grandes nomes do esporte e do show business já estiveram, e essa era minha vez !

Essa era minha luta número 50, tenho muita bagagem e já passei por quase tudo dentro do ringue… luto desde os meus 13 anos, aí me perguntam (você nem deve ficar nervoso né?) esse nervoso nunca passa… você aprende a controlar e lidar com ele ! Eu sabia o que ele ia fazer aquela entrada e tinha um ótimo contra-ataque pra ela, só que não consegui por em prática… nesta ele conseguiu fazer o jogo dele muito bem feito, não posso tirar os méritos do meu oponente que se mostrou bem preparado.

Eu não sabia que iam tocar os hinos nacionais antes da luta… quando começou a tocar me emocionei em ver todo Madison Square Garden todo verde amarelo… muitos brasileiros também (quero agradecer muito a força de vcs) inclusive alguns que foram aqui do Brasil pra me assistir, isso não tem preço! Vou contando aos poucos toda essa história, e como foi essa primeira luta do nosso recomeço de carreira ! Agora o Chael Sonnen mexeu com meu brio e vou correr atrás dessa revanche a todo custo, tenho que mostrar que posso fazer melhor (com ele é pessoal), mas imagina se casam minha luta contra um outro lutador que aceitasse o duelo em pé! Eu estava pronto pra largar na mão, mais ele não quis”, postou Wanderlei.

A luta

Wanderlei Silva e Chael Sonnen disputaram a luta principal do Bellator 180, no último sábado, evento que marcou a estreia da organização no tradicional Madison Square Garden. O brasileiro, que até teve um bom momento no início do segundo round quando acertou uma bomba em Sonnen, acabou dominado na maior parte do tempo pelo norte-americanom que apostou na estratégia de aplicar as quedas e anular o brasileiro no chão.

No fim, Chael foi declarado vencedor por decisão unânime. Wand ficou irritado com a tática do rival e chegou a empurrar o rival quando ele dava entrevista ainda no cage.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário