Sergio Pettis frusta torcida e vence Moreno no UFC México

Irmão do ex-campeão dos leves, Anthony Pettis, emplaca quarta vitória consecutiva e se firma como uma das maiores revelações do peso mosca

Pettis (esq.) derrotou Moreno no UFC México. Foto: Reprodução / Twitter / UFC_Brasil

Pettis (esq.) derrotou Moreno (dir.) no UFC México. Foto: Reprodução / Twitter / UFC_Brasil

A divisão de moscas do UFC tem uma nova estrela em ascensão. O norte-americano Sergio Pettis, irmão do ex-campeão dos leves Anthony Pettis, emplacou a quarta vitória consecutiva no octógono e já é um dos postulantes ao cinturão de Demetrious Johnson. Na luta principal do UFC México, evento realizado na madrugada deste domingo, ele venceu Brandon Moreno na decisão unânime (49-46, 48-46, 48-46) e deve debutar entre os cinco melhores da divisão até 56,7 kg.

Apesar do ótimo momento dentro do octógono, Pettis preferiu a cautela antes de falar sobre um possível duelo pelo cinturão. “Claro que quero a luta pelo título, mas acho que ainda tem muita coisa para trabalhar para chegar lá”, afirmou o lutador ainda no octógono.

Veja Também

R. Yahya finaliza E. Briones no UFC México. Foto: Reprodução / Twitter / UFC
Rani Yahya garante vitória brasileira no UFC México
Siga os resultados do UFC Suécia. Foto: Reprodução Facebook/UFC
UFC México – Sergio Pettis x Brandon Moreno – Resultados

O UFC México trouxe ainda um brasileiro em ação. Atuando no card preliminar, o brasiliense Rani Yahya finalizou Enrique Briones com uma Kimura e garantiu o triunfo no país no show.

Pettis vence e se consolida na divisão

Apesar da vitória de Pettis, foi Brandon Moreno que começou melhor. Com apoio da torcida, o mexicano conseguiu uma queda logo no início da luta e chegou até as costas de Sergio, mas não conseguiu finalizar a disputa durante toda a parcial. Porém, a partir do segundo assalto a história da luta começou a mudar.

No segundo round, Pettis a distância e trabalhou bem a movimentação na luta em pé. O norte-americano combinou socos e chutes que frustraram o mexicano. A história se repetiu no terceiro assalto.

Com frente nas papeletas, Sergio Pettis abusou na movimentação no quarto round. Já no desespero, Moreno ainda conseguiu voltar a disputa para o solo no quinto assalto, mas já bastante cansado, não conseguiu avançar nas posições no chão. Ao final, vitória de Sergio Pettis na decisão unânime dos juízes.

Rashad Evans perde mais uma

A fase de Rashad Evans não é das melhores. Principal estrela do UFC México, o ex-campeão dos meio-pesados sofreu a quarta derrota consecutiva e não sabe o que é vencer desde novembro de 2013 – quando bateu Chael Sonnen. Na noite deste sábado, Evans fez uma luta equilibrada diante de Sam Alvey, mas após 15 minutos de disputa, ‘Sugar’ acabou derrotado na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Resultados do UFC México

CARD PRINCIPAL
Peso mosca: Sergio Pettis derrotou Brandon Moreno na decisão unânime dos juízes (49-46, 48-46, 48-46)

Peso palha: Alexa Grasso derrotou Randa Markos na decisão  na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso meio-médio: Niko Price derrotou Alan Jouban por nocaute técnico a 1m44s do R1

Peso pena: Humberto Bandenay derrotou Martín Bravo por nocaute a 26s do R1

Peso médio: Sam Alvey derrotou Rashad Evans na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso galo: Alejandro Pérez derrotou Andre Soukhamthath na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

CARD PRELIMINAR
Peso médio: Jack Hermansson derrotou Bradley Scott por nocaute técnico a 3m51s do R1

Peso mosca: Dustin Ortiz derrotou Hector Sandoval por nocaute a 15s do R1;

Peso galo: Rani Yahya finalizou Enrique Briones com uma Kimura a 2m01s do R1

Peso galo: José Alberto Quiñonez derrotou Diego Rivas na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso mosca: Joseph Morales finalizou Roberto Sanchez com um mata-leão a 3m56s do R1

Peso meio-médio: Jordan Rinaldi finalizou Álvaro Herrera com um estrangulamento a 2m01s do R1

 

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário