Pezão é nocauteado e deixa GP do Strikeforce

Em noite ruim para o Brasil, Ronaldo Jacaré perde o cinturão dos médios e Roger Gracie é nocauteado

Daniel Cormier nocauteia Antonio Pezão  300x210 Pezão é nocauteado e deixa GP do StrikeforceNoite ruim para o Brasil no Strikeforce! No evento realizado na noite deste sábado, em Cincinnati, nos Estados Unidos, os atletas tupiniquins foram superados em seis das sete lutas que estavam escalados, sendo duas delas bastante importantes: Ronaldo Jacaré perdeu o cinturão dos pesos médios para Luke Rockhold e Antonio Pezão foi eliminado do GP de pesos pesados da organização ao ser nocauteado por Daniel Cormier. O único triunfo brasileiro ficou para Rafael Feijão, que com muita dificuldade, conseguiu nocautear Yoel Romero no segundo assalto.

Pezão é nocauteado e deixa GP do Strikeforce
O Brasil não tem mais representantes no GP de pesos pesados do Strikeforce. Único representante nacional ainda na disputa, Antonio Pezão entrou para as semifinais do torneio como amplo favorito diante de Daniel Cormier, que foi convocado as pressas para substituir Alistair Overeem. Esperando um jogo de quedas do americano, que é especialista no wreslitng, o brasileiro foi surpreendido pelo rápido boxe de Cormier. Com muita movimentação, Daniel golpeava com velocidade e saia do raio de ação de Pezão, que chegou a cair em knockdown. No recomeço da luta em pé, o atleta tupiniquim foi punido com vários golpes e derrubado mais uma vez. Totalmente perdido, o lutador paraibano foi pego em um potente direto de encontro aplicado por Cormier e já caiu nocauteado.

Na grande final do torneio, Cormier terá pela frente o duro Josh Barnett, que não tomou conhecimento de Sergei Kharitonov e finalizou o russo com um katagatame no final do primeiro round.

VEJA TAMBÉM
* Pezão pede desculpas após derrota no Strikeforce
* Vídeo: Antonio Pezão vs. Daniel Cormier
* Vídeo: Roger Gracie vs. King Mo Lawal

Jacaré perde o cinturão do Strikeforce
Luke Rockhold encara Ronaldo Jacare 300x214 Pezão é nocauteado e deixa GP do StrikeforceDefendendo o cinturão dos pesos médios do Strkeforce pela segunda vez, Ronaldo Jacaré encontrou muitas dificuldades diante do azarão Luke Rockhold. O brasileiro começou a luta melhor, medindo bem a distância e soltando boas combinações de golpes. Mas com muita resistência, o norte-americano mostrou recuperação e melhor preparo físico para soltar seu jogo na metade final da luta. No último round, já bastante cansado, Jacaré pouco se movimentava e acabou sendo alvo de bons golpes do adversário, que arriscou até alguns chutes rodados. No final da luta, os dois lutadores levantaram os braços, mas os juízes deram a vitória para Luke Rockhold (50×45, 48×47, 48×47)

King Mo nocauteia Roger Gracie
King Mo nocauteia Roger Gracie 2 300x217 Pezão é nocauteado e deixa GP do StrikeforceNa primeira luta envolvendo brasileiros no card principal, Roger Gracie encarou o maior desafio de sua curta carreira no MMA. Diante do ex-campeão do Strikeforce, King Mo, o brasileiro não conseguiu encontrar a distância contra o norte-americano, que controlava o centro do octógono e golpeava melhor no boxe. No final do primeiro assalto, com um potente direto de encontro, King Mo levou Roger a knockdown. Com o brasileiro no solo, o americano ainda soltou mais um soco até o árbitro interromper o combate e decretar o nocaute técnico. Com o revés, o faixa-preta tupiniquim conhece sua primeira derrota no MMA em cinco lutas

Marcos Pezão estreia com derrota no Strikeforce
A estreia de Marcos Pezão no Strikeforce não foi da forma que o brasileiro esperava. Diante do duro Mike Kyle, o atleta tupiniquim encontrou dificuldades na estratégia do adversário, que buscava trabalhar com golpes de boxe e boas quedas. Depois de perder os dois primeiros rounds, o lutador paulista soltou o jogo e partiu para o tudo ou nada no último assalto. Pezão conectou bons golpes e chutes baixos e chegou a vencer esta parcial, mas não foi suficiente. No final, vitória de Mike Kyle na decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28)

Feijão vence a primeira para o Brasil
Depois de duas derrotas nas primeiras lutas, os lutadores brasileiros conseguiram sua primeira vitória no evento. Rafael Feijão voltou ao Strikeforce após perder o cinturão dos meio-pesados da organização, no início deste ano, e encontrou dificuldades contra Yoel Romero. Mas depois de perder o primeiro round, o brasileiro levava desvantagem no segundo até que surpreendeu o oponente de maneira incrível: Feijão aplicou um lindo chute alto que passou no vazio, mas ainda no movimento do golpe atingiu Romero que foi a knockdown. Sem perder tempo, Rafael continuou o castigo e forçou o árbitro a interromper a peleja.

Confira abaixo os resultados completos do Strikeforce:

Card Principal
Josh Barnett finalizou Sergei Kharitonov com um katagatame no R1;
Daniel Cormier derrotou Antonio “Pezão” Silva por nocaute no R1;
Luke Rockhold derrotou Ronaldo Jacaré na decisão unânime dos juízes;
Muhammed “King Mo” Lawal derrotou Roger Gracie por nocaute no R1;
Pat Healy finalizou Maximo Blanco com um mata-leão no R2;

Card Preliminar
Mike Kyle derrotou Marcos Rogério “Pezão” de Lima na decisão unânime dos juízes;
Rafael Feijão
derrotou Yoel Romero por nocaute técnico no R2;
Jordan Mein derrotou Evangelista Cyborg por nocaute técnico no R3;
Alexis Davis derrotou Amanda Nunes por nocaute técnico no R2;
Dominique Steele derrotou Chris Mierzwiak na decisão unânime dos juízes;