Jungle Fight volta com sucesso

A volta do Jungle Fight foi um sucesso. Coordenado por Wallid Ismail o evento de qualificação para edição do show no final do ano superou as expectativas. “Se a seletiva para o Jungle Fight já pode ser considerado o maior evento do país, imagina como vai ser o evento principal”, disparou Wallid.

Realizado, ontem, no CT dos irmãos Nogueira, no Rio de Janeiro foi marcado por diversas personalidades como o musico Dudu Nobre, o Secretario nacional de esportes de Alto Rendimento, Djan Madruga, o ex-jogador de vôlei Bernard Razjman, além de grandes nomes do mundo da luta como Oswaldo Paquetá, Ricardo Arona, Thiago Tavares, Roberto Gordo, Amaury Bitetti, Joinha, além é claro dos irmãos Rodrigo Minotauro e Rogério Minotouro, e muitos outros assistiram a empolgantes combates do Jungle Fight Qualifying.

A primeira luta do evento foi considerada uma das melhores da noite. Sempre dando show em seus combates, Erinaldo Pitbull (Gracie Fusion) travou uma batalha contra o atleta da Killer Bees, Vinícius Lemos. Depois de conseguir defender uma justa leg-lock no primeiro round, Pitbull dominou os dois rounds seguintes, chegando a aplicar um knock down em Vinícius no último assalto, levando a vitória na decisão unânime dos juizes.

A única luta que terminou no primeiro round foi entre Marcos Bicudinho (BTT) e André Oliveira (Caverna Top Brothers). André começou levando um susto a ser atingido por uma combinação de jab e direto de Bicudinho, mas depois de se recuperar manteve a luta em pé e acertou um direto que levou o atleta da BTT a nocaute aos 3 minutos e 50 segundos. Com um Jiu-Jitsu apuradíssimo, Alexandre Pulga (NG Combate) conseguiu sua segunda vitória na carreira ao finalizar Paulo Eduardo (Tata Fight Team) no segundo round com um triângulo, depois de várias tentativas de omoplata e triângulo.

O terceiro combate também foi eletrizante, com Rodrigo Ximbica (Gracie Fusion) e Pedro Manoel (Clube da Luta) partindo para a trocação. Logo nos primeiros minutosde luta, Pedro Manoel sofreu um corte no rosto depois de levar um chute alto de Ximbica, que saiu vencedor da luta por interrupção médica. Outro que se apresentou bem foi Rodrigo Smurf (Carlos Henrique JJ), que derrotou Maicon Ribeiro por desistência no terceiro round.

Na luta principal da noite, Paulo Thiago (Constrictor Team) lutou bem por cima e por baixo, dificultando a vida de Leonardo Peçanha, que fazia a sua estréia pela Minotauro Team. Mesmo com o auxílio de Leonardo Castello Branco, Amaury Bitetti, Minotauro e Minotouro e outros companheiros de equipe, Peçanha acabou derrotado pela nova promessa de Brasília na decisão unânime dos juizes. Wallid Ismail anunciou que o Jungle Fight 8 será no Iate Clube Jardim Guanabara, na Ilha do Governador (RJ) e a nona edição no Maracanãzinho. Confira abaixo os resultados completos do evento e não perca amanhã uma super galeria de fotos do Jungle Fight Qualifying.

RESULTADOS COMPLETOS:

– Erinaldo Pitbull (Gracie Fusion) derrotou Vinícius Lemos (Killer Bees) na decisão unânime;
– André de Oliveira (Caverna Top Brothers) derrotou Marcos Bicudinho (BTT) por nocaute técnico no 1R;
– Alexandre Pulga Pimentel (NG Combat) finalizou Paulo Eduardo (Tata Fight Team) com um triângulo no 2R;
– Rodrigo Ximbica (Gracie Fusion) derrotou Pedro Manoel (Clube Luta) por interrupção médica no 1R;
– Rodrigo Smurf (Carlos Henrique JJ) derrotou Maicon Ribeiro (BTT) por desistência no 3R;
– Paulo Thiago (Constrictor Team) derrotou Leonardo Peçanha (Minotauro Team) na decisão unânime dos juizes.

Deixe seu comentário