Em luta espetacular, Diego Brandão conquista o TUF 14

Manauara faz história e é o primeiro brasileiro a vencer o reality show do UFC

Diego Brandão faz história e é o primeiro brasileiro a vencer o The Ultimate Fighter. Foto: Josh Hedges

O brasileiro Diego Brandão fez história na noite deste sábado, nos Estados Unidos! O atleta tupiniquim se tornou o primeiro lutador nacional a vencer uma edição do The Ultimate Figther (TUF), o reality show do UFC. Na grande final da 14ª edição do programa, que aconteceu neste sábado em Las Vegas, o lutador manauara fez um combate espetacular contra Dennis Bermudez e após muitas alternâncias no duelo, finalizou a peleja com um lindo arm-lock.

VEJA TAMBÉM
O que achou da vitória de Diego Brandão? Comente em nosso Fórum

A luta
O combate entre Diego Brandão e Dennis Bermudez durou menos de cinco minutos, mas foi tempo suficiente para se tornar um dos rounds mais espetaculares de 2011. A luta começou com vantagem para Bermudez, que se movimentava bem, conectava alguns golpes e era perigoso com as tentativas de queda. Mas antes da metade do assalto, o atleta tupiniquim acertou um lindo golpe, que levou o norte-americano a knockdown. Porém, Dennis conseguiu se recuperar e seguiu vivo na disputa. A partir daí, o brasileiro tomou o controle da peleja e com uma linda joelhada de encontro derrubou novamente o adversário, que mais uma vez se recuperar.

A luta ia se encaminhado para o final do primeiro assalto quando Bermudez acertou um direto de encontro e levou Diego a knockdown. No chão, o norte-americano aplicou vários golpes no manauara que sentia os ataques. Porém, faltando 10 segundos para o final do round, Brandão encaixou uma linda chave de braço e finalizou a luta de maneira espetacular

Com o triunfo, Diego Brandão, além de se tornar o vencedor do TUF 14 entre os pesos penas (até 66 kg.), conquistou sua 14ª vitória no MMA e faturou um contrato de seis dígitos com o UFC.

Já pela final dos pesos galos (até 61 kg.) do reality,  John Dodson começou a disputa contra  T.J. Dillashaw de forma arrasadora e nocauteou o adversário com pouco mais de um minuto de duelo. O resultado também garantiu a Dodson contrato com a maior organização de MMA da atualidade

Bisping e Miller fazem luta morna
Se os finalistas do TUF 14 fizeram combates espetaculares, o mesmo não se pode dizer dos treinadores. O inglês Michael Bisping e o norte-americano Jason Miller, que foram os comandantes desta edição do reality, trocaram muitas provocações antes do combate, mas dentro do octógono a disputa ficou aquém das expectativas.

Miller começou melhor a luta, evitando os ataques de Bisping em pé e buscando derrubar o lutado inglês. Na metade do primeiro round, após algumas tentativas, Jason leva a disputa para o solo e mantém o britânico preso por baixo até o final do assalto.

Mas o esforço para derrubar Bisping custou caro para Miller. No retorno para o segundo round, o norte-americano já demonstrava bastante cansaço e se tornou um alvo fácil para inglês que soltava seu arsenal de ataques.

Já no terceiro assalto veio o castigo final. Depois de conectar vários golpes, Bisping derrubou Miller e com uma sequência de socos, forçou o árbitro a interromper o combate e decretar o nocaute técnico

 

Confira abaixo os resultados completos do TUF 14 Finale:

Card Principal

Michael Bisping derrotou Jason “Mayhem” Miller por nocaute técnico no R3;

Diego Brandão finalizou Dennis Bermudez com um arm-lock no R1 – Final do TUF nos pesos penas;

John Dodson derrotou T.J. Dillashaw por nocaute técnico no R1 – Final do TUF nos pesos penas;

Tony Ferguson derrotou Yves Edwards na decisão unânime dos juízes;

Johnny Bedford derrotou Louis Gaudinot por nocaute técnico no R3;

Card Preliminar

Marcus Brimage derrotou Stephen Bass na decisão unânime dos juízes;

John Albert derrotou Dustin Pague por nocaute técnico no R1;

Roland Delorme finalizou Josh Ferguson com um mata-leão no R1;

Steven Siler derrotou Josh Clopton na decisão unânime dos juízes;

Bryan Caraway finalizou Dustin Neace com um mata-leão no R2

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário