Americano com passagem pelo UFC fecha com clube paulista e luta em Ribeirão Preto

O norte-americano Chris Wilson, de 34 anos, quer recomeçar a caminhada no mundo do MMA no Brasil. Aos 34 anos e com a energia de um menino, o lutador, que tem um cartel de 16 vitórias e oito derrotas, foi atleta do UFC, maior evento de lutas do mundo.

“Não existe experiência igual ao UFC. Foi inesquecível e hoje trabalho para conseguir voltar ao octógono mais conhecido do mundo. Infelizmente, tive talvez o pior período da minha carreira quando finalmente consegui chegar lá”, disse Wilson, que fechou um acordo de patrocínio com o Comercial Futebol Clube, de Ribeirão Preto e já tem luta agendada na cidade.

No BRFC Desafio dos Imortais, que acontece no próximo dia 16, em Ribeirão Preto, Chris fará a primeira luta de MMA em solo tupiniquim. Ele enfrentará Tom Oliveira, de Santos, campeão sul-americano de muay thai. Sobre o combate, Chris acredita que será uma luta espetacular.

“Somos lutadores de muay thai e isso já é um bom ingrediente, porque buscamos a luta em pé. Mas também tenho um bom wrestling. Quem estiver no estádio, verá um grande show, porque estarei lutando pela primeira vez no Brasil e, por sorte, na minha cidade e diante da minha torcida”, afirmou o norte-americano, que recentemente se radicou no interior de São Paulo.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário