Josh Barnett leva maior salário do Strikeforce

Mesmo derrotado por Daniel Cormier na final do GP de pesos pesados do Strikeforce, o veterano Josh Barnett levou o maior salário do evento, realizado no último sábado (19), em San Jose, nos Estados Unidos.

Barnett embolsou US$ 200 mil, cerca de R$ 408 mil, pela apresentação, enquanto Daniel Cormier, vencedor do torneio, faturou US$ 100 mil.

O brasileiro com maior salário do evento foi Rafael Feijão, que ao finalizar Mike Kyle em 33 segundos, levou US$ 66 mil para casa.

Confira abaixo a lista completa dos salários do Strikeforce:

Daniel Cormier: US$ 100 mil (US$ 50 mil pela apresentação, US$ 50 mil de bônus pela vitória)
Josh Barnett: US$ 200 mil
Cormier derrotou Barnett na decisão unânime dos juízes;

Gilbert Melendez: US$ 175 mil
Josh Thomson: US$ 90 mil
Melendez derrotou Thomson na decisão dividida dos juízes;

Rafael Feijão: US$ 66 mil (US$ 33 mil pela apresentação, US$ 33 mil de bônus pela vitória)
Mike Kyle: US$ 25 mil
Feijão derrotou Kyle por finalização (guilhotina) no R1;

Lenny Christopher Spang: US$ 12 mil (US$ 6 mil pela apresentação, US$ 6 mil de bônus pela vitória)
Nah-Shon Burrell: US$ 7 mil
Spang derrotou Burrell por nocaute no no R1;

Isaac Vallie-Flagg: US$ 6 mil (US$ 3 mil pela apresentação, US$ 3 mil de bônus pela vitória)
Gesias Cavalcante: US$ 18 mil
Vallie-Flagg derrotou Cavalcante na decisão dividida dos juízes;

Guto Inocente: US$ 4 mil (US$ 2 mil pela apresentação, US$ 2 mil de bônus pela vitória)
Virgil Zwicker: US$ 3 mil
Inocente derrotou Zwicker na decisão unânime dos juízes;

Gian Villante: US$ 24 mil (US$ 12 mil pela apresentação, US$ 12 mil de bônus pela vitória)
Derrick Mehman: US$ 3 mil
Villante derrotou Mehmen na decisão unânime dos juízes;

Quinn Mulhern: US$ 12 mil (US$ 6 mil pela apresentação, US$ 6 mil de bônus pela vitória)
Yuri Villefort: US$ 2,500
Mulhern derrotou Villefort na decisão dividida dos juízes;

Bobby Green: US$ 12 mil (US$ 6 mil pela apresentação, US$ 6 mil de bônus pela vitória)
James Terry: US$ 9 mil
Green derrotou Terry na decisão dividida dos juízes;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments