Dana White fala sobre o caso Eddie Alvarez: ‘deveria lutar no Bellator’

Por briga judicial, ex-campeão da organização rival pode ficar sem lutar até setembro de 2014

Alvarez nocauteou Pitbull na última vez que subiu ao cage do Bellator

Alvarez nocauteou Pitbull na última vez que subiu ao cage do Bellator

O ex-campeão dos leves do Bellator Eddie Alvarez fez a última luta de seu contrato com a organização em outubro de 2012, quando nocauteou o brasileiro Patricky Pitbull. Desde então o lutador estava com acerto verbal para migrar para o UFC, mas esbarrou numa cláusula contratual que dizia que o Bellator teria prioridade de renovação caso igualasse outra proposta.

O atleta entrou na justiça para conseguir se desvencilhar do Bellator, mas a pendenga não deve ser resolvida antes de setembro de 2014, quando o pré-julgamento está marcado. Ciente do perigo que é deixá-lo dois anos inativo no ápice de sua carreira, Dana White pensa que o melhor seria que Alvarez voltasse a lutar pela organização rival.

“Ele deveria lutar pelo Bellator”, disse White ao MMAjunkie. “Antes de mais nada, eles têm o direito – ele assinou um contrato e eles têm todos os direitos sobre Alvarez. Mas pelo menos paguem o garoto. Você começa a olhar ao redor e vê o quanto Eddie Alvarez vale. Bem, Eddie Alvarez descobriu o quanto ele vale e eles (Bellator) se recusam a pagar por isto. É um absurdo.”

Dana se refere ao potencial de venda de pay-per-view que o popular lutador poderia render ao UFC. O dirigente comparou a atitude da organização rival com a dos promotores do boxe e garantiu que sua empresa jamais agiu da mesma maneira.

“Então agora a vida e a carreira desse garoto ficará no limbo enquanto estiver acontecendo essa batalha judicial. Isso é coisa do boxe, é assim que o boxe faz. O boxe tenta amarrá-lo, fazendo com que você não consiga ganhar dinheiro. Nós nunca fizemos isso com ninguém. Nunca”, encerrou

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments