De astro pop a elogios de Tyson: quem é Jake Paul, youtuber invicto que atrai cifras milionárias no boxe?

De vídeos em ‘Vine’ e ‘YouTube’ ao estrelato na ‘nobre arte’, influenciador digital tem carreira cercada por polêmicas e nocautes contra ex-lutadores do UFC; ele enfrenta Tyron Woodley neste sábado (18)

J. Paul após vitória sobre T. Woodley no super desafio de boxe. Foto: Reprodução/Instagram

Com ascensão meteórica no boxe, o youtuber Jake Paul tem impressionado por suas ações na ‘nobre arte’ diante de atletas que já competiram em alto nível em outras modalidades. Ainda assim, apesar de sua grande notoriedade nos Estados Unidos, o influenciador digital ainda é pouco reconhecido para além de sua atuação nos ringues por boa parte da comunidade dos esportes de combate.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Às vésperas de sua revanche contra Tyron Woodley, que acontece neste sábado (18) no Amalie Arena, em Tampa, na Florida (EUA), o SUPER LUTAS conta a história do astro pop que tem atraído as atenções por suas atuações e ‘trash talk’ – como poder de se autopromover – nas redes sociais.

Início na internet

J. Paul em seu início na plataforma ‘Vine’. Foto: Reprodução/YouTube

PUBLICIDADE:

Antes mesmo de ingressar no boxe, Jake Paul conseguiu ganhar notoriedade na extinta plataforma ‘Vine’, onde gravava vídeos de humor de até seis segundos. Posteriormente, ele voltou as atenções ao YouTube e teve um crescimento expressivo com filmagens de ‘vlogs’ – com atualizações frequentes de temas corriqueiros na sociedade.

Com o aumento no número de inscritos em seu canal, o norte-americano produziu e gravou a música ‘It’s Everyday Bro’ (É todo dia, irmão), mas o conteúdo não conquistou a aprovação necessária e é o terceiro vídeo mais rejeitado da história do YouTube. Ele também já chegou a atuar em programas infantis no canal ‘Nickelodeon’.

PUBLICIDADE:

Aventura no boxe

J. Paul promoveu um verdadeiro massacre contra N. Robinson no card encabeçado por Tyson e Jones Jr. Foto: Reprodução/Instagram

PUBLICIDADE:

Paul decidiu por se aventurar na ‘nobre arte’, pela primeira vez, contra o também YouTuber AnEsonGib. Na divulgação do combate, os dois influenciadores trocaram farpas via redes sociais e, no combate, o irmão de Logan conseguiu se mostrar superior e nocautear no primeiro round.

Apesar do triunfo, Jake teve a grande ‘divulgação’ à nível mundial pelo nocaute brutal diante do ex-jogador de basquete profissional, Nate Robinson, na segunda luta mais importante do evento que trouxe o retorno de Mike Tyson e Roy Jones Jr. ao boxe. Questionado sobre sua principal motivação, o norte-americano destacou que não precisava de dinheiro e lutava apenas para satisfazer seu desejo e sonho.

Vitórias contra ex-lutadores de MMA

J. Paul (esq.) nocauteou B. Askren (dir.) em menos de dois minutos. Foto: Reprodução/Twitter @triller

Se deu certo, a reputação do influenciador digital aumentava à medida que o tempo passava. E, apesar de ter apenas duas vitórias, ele começou a chamar inúmeros lutadores das artes marciais e teve seu ‘pedido atendido’ ao assinar um contrato para lutar com Ben Askren. No combate, que aconteceu em abril deste ano, ele precisou de apenas dois assaltos para nocauter o ex-UFC.

Com um nome ainda maior, Jake Paul também mediu forças contra Tyron Woodley e fez uma aposta em que o vencedor teria que tatuar o nome de seu algoz. Em duelo equilibrado, os dois atletas chegaram até o final e, com oito rounds, o youtuber teve as mãos levantadas após decisão dividida dos juízes.

Polêmicas e controvérsias

Fora dos ringues, Jake já lidou com problemas e acusações. Em meio à pandemia da COVID-19, o youtuber foi acusado de roubar um shopping, no Arizona (EUA), como uma forma de ‘desafio’ proposto em seu canal e de sediar festas no período. Ainda assim, ele afirmou que seguiria com suas celebrações e apenas faria pausas para treinar.

Além disso, em abril de 2021, Paul foi acusado de agressão sexual por uma personagem da plataforma ‘TikTok’, Justine Paradise. Ele, supostamente, teria a forçado de fazer sexo oral sem consentimento, mas fez questão de negar as acusações.

Elogio da lenda e ‘rusga’ com Dana White

Goste ou não, é difícil ignorar Jake Paul por seus feitos recentes na modalidade. Uma das maiores lendas do esporte, o ex-campeão dos pesos pesados Mike Tyson disse que respeitava o youtuber por manter o boxe vivo e comemorou o interesse das pessoas graças aos ‘boxeadores do youtube’.

Com cifras milionárias, o norte-americano também expressou desejo de ter uma franquia de MMA no futuro. E, para isso, ele teceu críticas duras a Dana White, presidente do UFC, acusando-o de não dar os devidos pagamentos aos seus atletas na organização. O ‘chefão’, no entanto, rebateu os comentários e ironizou que Paul tenha vencido apenas lutadores longe de seus auges.

Revanche contra Tyron Woodley

Em preparação para sua quinta luta como profissional no boxe, Jake Paul foi surpreendido com a notícia da lesão de Tommy Fury. Disposto a seguir no card deste sábado (18), no entanto, o youtuber aceitou a revanche diante de Tyron Woodley.

Aos 24 anos, Jake Paul já conseguiu grandes feitos em seu início na modalidade. Ele, inclusive, já desafiou nomes como Conor McGregor, Canelo Álvarez, Kamaru Usman e os irmãos Nate e Nick Diaz.

 

Podcast #45: Volkanovksi sem desafiante e brasileiros no 1º UFC do ano