Chikadze promete postura agressiva no ‘trash talk’, caso vença Kattar no UFC Las Vegas 46

Georgiano se mostra incomodado em ter sido preterido por ‘Zumbi Coreano’ na luta contra Alexander Volkanovski no UFC 273

G. Chikadze é o oitavo no ranking dos penas. Foto: Reprodução/Instagram

Às vésperas de confronto contra Calvin Kattar, Giga Chikadze falou sobre possível mudança de postura na forma em que promove lutas no Ultimate. Protagonista do UFC Las Vegas 46 do próximo sábado (15), o georgiano se sente desprestigiado por respeitar seus adversários nos penas (até 65,7kg.) e optar por um clima amistoso antes de seus combates.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Estou sendo muito bonzinho em toda minha carreira e, agora, talvez seja a hora de falar umas merdas. E é o que eu vou fazer. É a razão, provavelmente, pela qual outros lutadores vendem os cartões de pay-per-view. Eles querem ver isso? Apenas espere, pelo meu ‘trash talk’. Eu aprendi inglês muito bem agora e estou pronto para começar”, declarou Chikadze em ‘media day’ do evento.

A postura de Giga, inclusive, demonstra uma certa insatisfação ao ter sido preterido por ‘Zumbi Coreano’, que vai substituir Max Holloway na luta contra Alexander Volkanovski, válida pelo cinturão dos penas (até 65,7kg.), no UFC 273 do dia 9 de abril.

PUBLICIDADE:

Aos 32 anos, Chikadze é o oitavo colocado no ranking dos penas (até 65,7kg.) e vem de uma sequência de nove triunfos seguidos – sendo sete no UFC – além de três prêmios de ‘Performance da Noite’ em suas atuações mais recentes. Em seu cartel, o georgiano conta com 14 resultados positivos e dois negativos.

 

PUBLICIDADE:

Podcast #45: Volkanovksi sem desafiante e brasileiros no 1º UFC do ano