Rashad Evans vai passar por cirurgia no joelho e deve ficar fora por seis meses | SUPER LUTAS

Rashad Evans vai passar por cirurgia no joelho e deve ficar fora por seis meses

Em nota oficial, ex-campeão dos meio-pesados lamentou a contusão

Rashad Evans (foto) foi cortado do UFC 170 após lesão no joelho. Foto: Josh Hedges/UFC

Rashad Evans (foto) foi cortado do UFC 170 após lesão no joelho. Foto: Josh Hedges/UFC

A lesão que forçou Rashad Evans a se retirar do card do UFC 170 a poucos dias da realização do evento, que acontece no próximo sábado (22), é mais grave do que poderia se imaginar a princípio, quando o atleta chegou a dizer que voltaria a lutar em breve. Ao contrário das expectativas inciais de Rashad, ele vai ter que passar por uma cirurgia no joelho ainda nesta semana e deve ficar cerca de seis meses fora de combate.

“Estou profundamente decepcionado por ficar de fora do UFC 170, mas podem ter certeza que eu voltarei mais forte do que nunca. Obrigado a todos os fãs pelas mensagens e o apoio que tem me dado”, publicou Evans em nota oficial, divulgada no site oficial da academia “Blackzilians”, equipe da qual o norte-americano faz parte. No evento do próximo sábado, Evans enfrentaria Daniel Cormier, na estreia do ex-campeão do GP do Strikeforce nos meio-pesados. Para o seu lugar, o Ultimate convocou às pressas o wrestler Patrick Cummins, que tem apenas quatro lutas como profissional no MMA.

Aos 34 anos, Rashad Evans possui um cartel de 19 vitórias, três derrotas e um empate. O norte-americano foi campeão da segunda temporada do reality show The Ultimate Fighter. Três anos após o título do TUF, e ainda invicto como profissional, Rashad sagrou-se campeão dos meio-pesados ao bater Forrest Griffin no UFC 92. “Suga”, como é conhecido, perdeu o título na luta seguinte, para o brasileiro Lyoto Machida. Esta não é a primeira vez que Evans deixa uma luta devido a uma lesão no joelho. Em 2011, ele desafiaria o então campeão Maurício Shogun, mas, devido à contusão, acabou substituído por Jon Jones.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments