Algoz de medalhista olímpico responde duras críticas de Dana White após UFC St. Louis

Waldo Cortes-Acosta destaca injustiça do presidente com julgamento sobre vitória; atleta derrotou Robelis Despaigne por pontos

Apesar de protagonizar grande vitória no UFC St. Louis e frear ímpeto de Robelis Despaigne, Waldo Cortes-Acosta foi duramente criticado por Dana White devido a performance apresentada no octógono. Insatisfeito com fala do presidente, o atleta destacou fundamento do MMA e sugeriu que o mandatário assista boxe, caso esteja insatisfeito com seu trabalho.

“Eles são injustos porque isso é MMA. É uma combinação de artes marciais em que você dá golpes e chutes, mas também vai para o chão. Há muita coisa nisso. Criticar-me dessa maneira tira a essência do MMA. Há o boxe, (Vasiliy) Lomachenko estava lutando neste fim de semana. Se você quiser apenas boxe, vá assisti-lo. Estamos misturando tudo, e isso significa também o jogo de chão”, disparou Cortes-Acosta em entrevista ao MMA Junkie.

PUBLICIDADE:

Veja Também

David x Golias - Lutador de sumô vence gigante com técnica e choca o mundo ao superar 158kg. Foto: Reprodução/Twitter

Apontado como grande azarão nas casas de apostas, Waldo conseguiu neutralizar as habilidades do medalhista olímpico de Taekwondo e triunfou na decisão unânime dos juízes por três rounds a zero. Na ocasião, o atleta se manteve em posições de domínio, efetuou golpes potentes, mas não conseguiu derrotar o rival pela via rápida, fato que irritou Dana White.

W. Cortes-Acosta encerrou invencibilidade de R. Despaigne no UFC St. Louis. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

PUBLICIDADE:

Aos 32 anos, Waldo chegou a 12 vitória na carreira e quinta na organização. Sua única derrota profissional foi em 2023, quando superado pelo brasileiro Marcos Pezão na decisão dos juízes.

Leia Mais sobre: , , , , , ,


Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300