CBJJE busca internacionalizar o Mundial

Na busca de internacionalizar de vez a competição, a Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Esportivo (CBJJE) está entrando em contato com equipes de todo o mundo para o Mundial da entidade. O evento acontecerá no ginásio Mauro Pinheiro (Ibirapuera), em São Paulo, a partir de 17 de julho, mas os preparativos já começaram. Em 2008, o Mundial já contou com atletas internacionais, mas este ano a presença deve ser ainda maior. Para isso, o mestre Flávio Behring, um dos maiores representantes do jiu-jitsu brasileiro na Europa e que tem participado efetivamente dos Mundiais da CBJJE, é conselheiro internacional dos rumos e crescimento da modalidade no exterior.

“Estarei de partida para mais uma empreitada internacional. Visitarei cinco países e 26 cidades em 70 dias. Serão cursos, workshops e seminários para ampliar conhecimentos do verdadeiro e completo Jiu-Jitsu. Estou certo que o desenvolvimento e expansão da CBJJE internacionalmente estará sendo alavancado”, disse Flavio.

“Agradeço muito ao mestre Flavio Behring por nos apoiar desde o início. Neste Mundial haverá homenagens, e uma será especial a ele, por ter recebido o nono grau”, falou Moises Muradi, presidente da CBJJE.

Segue abaixo a relação de equipes Behring de todo o mundo que devem estar presentes no Mundial:

Mestre Ricardo Murgel (USA)
Patrick Chaput (Bélgica)
Luis Santiago (Porto Rico)
Lidio Di Soriano (Porto Rico)
Christian Derval (França)
Patrick Bittan (França)
Christiphe Tetard (França)
Ido Pariente (Israel)
Robert Handley (USA)

Deixe seu comentário