Gil Freitas vence Crocotá no Jungle Fight 20

Terminou há pouco no Ginásio do Pacaembu, em São Paulo, a vigésima edição do Jungle Fight, show que contou com a transmissão de estréia do evento para todo os Estados Unidos através da ESPN. Apesar de algumas lutas com pouca movimentação, os combates principais  agitaram o publico que lotou as arquibancadas na capital paulistana. Destaque para as vitorias de Francisco Massaranduba e Gil Freitas que passaram por Flávio Alvaro e Edilberto Crocotá, respectivamente.

 

Massaranduba surpreende mais uma vez e vence Flávio Álvaro

Após aparecer no cenário nacional finalizando o ex-lutador do Pride Junior Buscapé, Francisco Massaranduba encarou mais uma pedreira na carreira. Diante do experiente Flávio Álvaro, Massaranduba não se intimidou com o Muay Thai do oponente e partiu para trocação fraca, aplicando bons golpes e conquistando um knockdown no primeiro assalto. No inicio do segundo round, Flávio devolveu o knockdown com um cruzado, mas Massaranduba se recuperou rapidamente e voltou a atacar o adversário. Com uma queda, Francisco partiu para o ground and pound e forçou o árbitro a interromper o combate aos quatro minutos do segundo round.

 

Gil Fretas vence Edilberto Crocotá na decisão

Com provocações antes da luta de ambas as partes, o combate principal da noite era o mais aguardado pelo publico e os lutadores não decepcionaram. Evitando o eficiente boxe de Crocotá, Gil Freitas atacava bem as pernas do baiano tentado as quedas, mesclando com ótimos contra-ataques no boxe e potentes low-kicks. Após três rounds de bastante movimentação, os jurados decidiram pela vitoria do paulista na decisão unânime. Confira os demais resultados do evento:

 

 

MMA:

– Tiago Bodão derrotou Luis Matoso por TKO no R3;

– Marcelo Guimarães finalizou Ivan El Terrible (Chile) no R1;

– Fabio Bispo empatou com Fernando El Gato (México);

– Fernando Pitbull (Argentina) derrotou Jonatas Ortega (Chile) na decisão unânime dos juízes;

– Francisco Massaranduba derrotou Flavio Álvaro por TKO no R2;

– Nino Crazy Boy (México) derrotou Francisco Viñuelas (Espanha) na decisão unânime dos juízes;

– Gil Freitas derrotou Edilberto Crocotá na decisão unânime dos juízes.

 

Kickboxing

– Thiago Michel derrotou César Almeida na decisão unânime dos juízes – Disputa do titulo brasileiro até 77 quilos

Deixe seu comentário