Mirko Cro Cop deixa aposentadoria e luta no GP do Rizin, em dezembro

Após anunciar aposentadoria no início do ano, Cro Cop retorna dia 31 da dezembro contra o japonês Tsuyoshi Kosaka

Mirko vai lutar dia 31 de dezembro (Foto:Reprodução/Facebook MirkoCroCop)

Mirko vai lutar dia 31 de dezembro (Foto:Reprodução/Facebook MirkoCroCop)

Aos 43 anos, a lenda Mirko Cro Cop está de volta ao MMA. Após anunciar sua aposentadoria do esporte em janeiro deste ano, o croata mudou de ideia e já tem data, local e adversário definidos para retornar aos ringues. Ele enfrentará o japonês Tsuyoshi Kosaka na final do GP peso pesado do Rizin FF, dia 31 de dezembro, na Saitama Super Arena, em Tóquio, no Japão. O anúncio foi feito por Nobuyuki Sakakibara, presidente da organização japonesa.

Veja Também

Assunção e TJ já se enfrentaram duas vezes (Foto:Reprodução/Youtube UFC)
Em alta, Assunção desafia Dillashaw pelo cinturão: ‘Quero a trilogia’
Thomas vai lutar dia 20 da janeiro (Foto: Reprodução/Facebook ThomasAlmeida)
Thomas Almeida busca recuperação contra Rob Font no UFC 220

O último ato de Mirko foi no dia 31 de janeiro de 2016, quando conquistou o título do GP do Rizin FF, vencendo dois adversários na mesma noite: Baruto Kaito e Amir Aliakbari. Cro Cop realizou 49 lutas na carreira, tendo obtido 35 vitórias, 11 derrotas, dois empates e um combate sem resultado. Durante os 15 anos como profissional, ficou marcado pelos diversos nocautes com chutes altos, que geraram até a famosa frase “Perna direita, hospital; perna esquerda, cemitério”. Seu melhor momento foi no extinto Pride, quando conquistou o GP ao derrotar Josh Barnett na grande final, em 2006. No Ultimate, foram três passagens, acumulando cinco triunfos e seis reveses.

Já Kosaka, de 47 anos, não teve uma carreira consolidada, mas ostenta seis lutas pelo UFC e passagens pelo Pride. Após se aposentar do esporte em 2006, o japonês retornou nove anos mais tarde, em 2015, também para atuar no Rizin, onde conquistou uma vitória e uma derrota, tendo atuado pela última vez em dezembro do ano passado.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário