Anthony Joshua espanta a zebra, domina Andy Ruiz e reconquista cinturões no Boxe

Em uma luta tática, inglês dominou o algoz que havia o surpreendido em junho; Ele reconquistou os títulos da WBA, WBO, IBF e IBO

A. Joshua vence revanche contra A. Ruiz. Foto: Reprodução/Instagram @anthonyjoshua

Anthony Joshua espantou a zebra, neste sábado (07), na Arabia Saudita, e reconquistou seus quatro títulos mundiais no Boxe entre os pesos pesados. O inglês, que havia sido surpreendido diante de Andy Ruiz, em junho, fez uma luta tática, não correu riscos e levou a disputa na decisão unânime dos juízes (118×110, 118×110, 119×109). O combate foi transmitido no Brasil gratuitamente pelo DAZN

Veja Também

Jairzinho consegue virada a quatro segundos do fim e nocauteia Overeem no UFC Washington

Com o resultado, Joshua reconquistou os cinturões da Associação Mundial de Boxe (WBA), Organização Mundial de Boxe (WBO), Federação Internacional de Boxe (IBF) e Organização Internacional de Boxe (IBO). Falta apenas o título do Conselho Mundial de Boxe (WBC), em posse de Deontay Wilder, para Anthony fechar os cinco reinados mais importantes da nobre arte.

Entretanto, na entrevista pós-luta, Anthony Joshua não cogitou a possibilidade de encarar Wilder ou o compatriota Tyson Fury, em um duelo bastante desejado pelos fãs. Por outro lado, mesmo com domínio na revanche, ele cogitou uma trilogia diante de Ruiz.

A luta

Disposto a apagar o revés diante de Ruiz, Joshua começou a luta se impondo. Com maior envergadura, o inglês evitou que Andy encurtasse a distância e o norte-americano de ascendência mexicana não conseguiu conectar nenhum golpe contundente.

No segundo assalto, Joshua continuou controlando a disputa, mas Ruiz tentava explodir nos momentos finais de cada parcial. Mas o campeão só conseguiu levar perigo e acertar seus potentes golpes no quarto round. Ruiz encurtou e com dois cruzados chegou a balançar a cabeça de Joshua.

Por sua vez, o inglês abusava da movimentação, acertava Ruiz e evitava de ser acertado.

O melhor momento do norte-americano foi no oitavo assalto. Ele foi com tudo pra cima e colocou Joshua em posição de risco. Entretanto, o inglês voltou a se movimentar nas parciais finais e garantiu o triunfo na decisão unânime.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário